Adolescente de 15 anos é suspeito de dirigir Hilux envolvida em acidente que matou pai e filha

Adolescente de 15 anos é suspeito de ser o condutor da Hilux envolvida no acidente de trânsito na MT-484, que matou Kauane Camargo Veiga, de 20 anos, e o pai dela, Ivo Veiga, 47, na manhã de quarta-feira (24), entre os municípios de Lucas do Rio Verde e Ipiranga do Norte.

O suspeito deixou o local do acidente após a colisão. A Polícia Civil de Tapurah investiga o caso.

“O condutor da camionete já foi identificado e será ouvido em interrogatório pelo delegado Guilherme Pompeo”, disse a Polícia Civil por meio de nota.

O acidente aconteceu no km 33, por volta das 6h50, e envolveu uma caminhonete Toyota Hilux e um Voyage, onde estavam os quatro ocupantes da mesma família.

Não há detalhes sobre a dinâmica do acidente, foi inicialmente apurado que os veículos estavam em pista opostas quando houve a colisão. Kauane e seu pai que estavam no Voyage seguia para Sinop, já que a menina realizasse a matrícula da faculdade. O condutor da Hilux, por sua vez, seguia para Lucas do Rio Verde.

Chovia no momento do acidente, o que também pode ter ocasionado o choque.

Fotos e vídeo que circulam na internet mostram que, com o impacto, a Hilux saiu da pista e foi parar em um canteiro com a parte da frente severamente danificada. Já o Voyage parou no meio da pista e ficou totalmente destruído. Kauane e Ivo ficaram presos entre às ferragens e morreram na hora.

Veja também

Policial Rodoviário Federal morre vítima de infarto enquanto trabalhava

Dois homens são presos após atropelar, esfaquear e agredir pelo menos quatro pessoas

Sorriso: sábado (24) é dia de feirinha de adoção na Praça das Fontes

Governador destaca competência dos novos desembargadores e acredita que prestação de serviços na Justiça será ampliada

Caixa lança edital de concurso com 3,2 mil vagas para técnicos

Inmet alerta para risco de chuvas intensas em Mato Grosso nesta quinta-feira (22)