Avaliação de servidores públicos passa a ser on-line

É um tal de pega papel, preenche papel, devolve papel. E daí é papel de novo para avaliar, ponderar, concordar ou discordar e só então arquivar. Estamos em 2021 e, cada vez mais, cenas assim devem começar a fazer parte do passado. A avaliação dos servidores públicos municipais de Sorriso passa a ser feita remotamente a partir deste ano. O período de avaliações começa nesta quarta-feira (1.º de dezembro) e se encerra no dia 30 de janeiro de 2022.

Como vai ser?

Para facilitar o processo, reduzir o volume de papel utilizado e garantir ainda mais sigilo ao “como está sendo desempenhado o trabalho de cada servidor”, todo o trâmite será feito via site da Prefeitura. Servidores efetivos e comissionados devem participar do processo, que envolve as seguintes fases: autoavaliação, na qual o próprio servidor avalia seu desempenho e a avaliação da chefia imediata, em que seu coordenador emite um parecer sobre a atuação do servidor ao longo do ano.

Os gestores, que são responsáveis por liderar equipes, também passam por uma avaliação específica, mas o processo é o mesmo: cada líder se autoavalia e, depois, o gestor acima dele também tece sua análise.

O que mais será analisado?

A avaliação vai analisar ainda o clima organizacional, permitindo que cada servidor possa avaliar seu chefe imediato, assim como seu ambiente de trabalho. “Esta ação vai permitir que o Departamento de Recursos Humanos possa planejar melhor suas ações, analisando cada situação pelo prisma dos servidores” destaca a diretora de Recursos Humanos da Prefeitura de Sorriso, Julia Nólio.

Professores devem ficar atentos

No caso dos que ensinam, também é preciso comprovar que seguem aprendendo. Isso mesmo. Os professores que atuam na rede municipal de educação devem anexar os certificados de participação em cursos e treinamentos. São aqueles ofertados pela Prefeitura, via Secretaria Municipal de Educação e Cultura (Semec), mas também é possível ir além e anexar também cursos feitos em outras instituições, se for o caso.

Avaliação passo a passo

E agora, trocando em miúdos, como será este processo? É só acessar a barra bem no alto do site, clicar em “Servidor” e depois em “Avaliação”. Cada servidor precisa ter uma conta de acesso cadastrada no site da Prefeitura. É aquela mesma conta utilizada para acessar o holerite. Ixi, não tem conta cadastrada? Calma! Tem como criar uma na hora ou então recuperar a senha caso a pessoa tenha esquecido.

O secretário de Administração do Município, Estevam Calvo, explica que no caso dos servidores mais ligados aos serviços operacionais, sem muita intimidade com o computador, haverá apoio para o acesso à avaliação, sempre resguardando o sigilo na hora do preenchimento do questionário. “Estamos conversando com todos os secretários e cada setor deve conduzir este processo sempre focando na importância desta avaliação, indispensável para o crescimento profissional de cada servidor e igualmente fundamental para a melhoria contínua da Administração Municipal”, destaca, reforçando que alterar processos com foco na redução do uso de papel é fundamental para que a Prefeitura possa avançar nas ações de sustentabilidade.

Não concordo. E agora?

E se o servidor não concordar com esta avaliação? Bom, a prova dos 9 é feita pela Comissão de Recursos. Neste caso, é preciso voltar ao papel, mas só um pouquinho. O servidor que questionar sua avaliação deve preencher um requerimento, também disponível no site da Prefeitura, assinar e entregar o documento no Setor de Protocolo do Paço Municipal. A partir daí, a comissão irá analisar as notas, podendo alterá-las ou validá-las, com as devidas justificativas.

Tá com dúvida?

Para sanar dúvidas sobre o processo, é só entrar em contato com o Departamento de Recursos Humanos pelo 3545 4762, das 7h às 13h, ou então enviar um e-mail para rh.avaliação@sorriso.mt.gov.br. Informações adicionais estão disponíveis no site da Prefeitura, nos seguintes links:

www.sorriso.mr.gov.br/Legislações/DecretosMunicipais

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

thumb_225845_400_300_0_0_crop

Geraldo Rufino mostra sua forma de encarar a vida a sorrisenses

03053221_276323425_

Após sair da UTI, radialista de MT luta para recuperar a fala

engasg

Sorriso: Bombeiros são acionados e salvam criança que sofreu engasgamento     

CONCURSO PC unnamed-20-1280x720

Justiça Federal suspende concurso da Polícia Civil

Captura-de-Tela-2022-05-19-às-20.30.41

Moradores registram geada em cidade de Mato Grosso onde fez 3 graus

whatsapp-image-2022-05-19-at-13.07.56

Caminhão pega fogo em acidente com outros dois veículos de carga em MT