Bebê de 2 meses que teve 90% do pulmão comprometido não resiste à Covid-19 e morre em Cuiabá

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

Um bebê de apenas 2 meses, que estava internado em estado grave para tratamento da Covid-19 em Cuiabá, não resistiu à doença e morreu nesse sábado (21).

A informação consta no painel epidemiológico divulgado pela Secretaria Estadual de Saúde (SES) neste domingo (22) e também foi confirmada pela Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá.

Nas redes sociais, familiares e amigos lamentaram a morte do bebê.

A família é de Barra do Garças, a 516 km de Cuiabá, e abriu uma vakinha virtual para ajudar nas despesas médicas e tratamento.

A mãe do bebê, Michelly Cristina Silva Mourão Noleto, e o marido, tiveram que se ausentar do trabalho para ficar com o filho no hospital na capital.

Athos tem duas irmãs de 6 e 7 anos.

Em uma gravidez de risco, a criança nasceu prematura, mas saudável, de acordo com a mãe. Há 20 dias começou a ter sintomas de tosse e passou por dois testes de Covid-19, que deram negativo, antes do resultado dar positivo.

O corpo do bebê foi transladado da capital para Barra do Garças, onde houve um cortejo como forma de homenagem e despedida, saindo da funerária PAX, na rua Simião Arraya com direção ao cemitério do Nova Barra.