Câmera de hospital registra momento em que PMs chegam de Land Rover para buscar atendimento

Câmera de segurança do Hospital Santa Casa de Rondonópolis (212 km de Cuiabá) registrou o momento em que os policiais suspeitos de matarem dois homens em situação de rua no município e deixarem outros dois feridos chegam na unidade de saúde para ser atendido.

Nas imagens, o soldado da Polícia Militar, Cássio Teixeira Brito, leva o colega Elder José da Silva, cabo do Batalhão de Operações Especiais (Bope), para ser socorrido após o rapaz ser baleado na perna.

Na gravação, disponibilizado pelo site AgoraMT, é possível ver que o fato ocorreu na madrugada do dia 27, minutos depois da dupla ter executado Odinilson Landvoigt de Oliveira, 41, e Thiago Rodrigues Lopes, 37.

Pelas imagens é possível ver quando a Land Rover dirigida por Cássio chega e para na entrada do hospital. Minutos depois, o soldado desce para pegar uma cadeira de rodas e a leva até o colega, que já o espera fora do veículo.

Elder então se senta e é levado às pressas por Cássio para dentro do hospital. Depois, a câmera registra o momento em que Cássio deixa o ambiente e vai embora.

Para o delegado que investiga o caso, Thiago Garcia Damasceno, o ferimento acidental que atingiu a perna de Elder foi crucial para a elucidação do crime.

“No transcorrer da investigação, tomamos conhecimento de um policial militar que teria dado entrada no Hospital Santa Casa vítima de um disparo acidental, coincidentemente logo após o horário dos crimes, e numa SUV de cor escura, segundo narrado o boletim de ocorrência”, disse em coletiva de imprensa.

Após o fato, Elder teria registrado um boletim de ocorrência de extravio, com o intuito de esconder a real causa do ferimento. No documento, ele afirmou que teria sido atingido enquanto participava de uma caçada em Itiquira.

Crime

Na madrugada de quarta-feira (27), ocupantes de um veículo de cor escura passaram na Avenida Bandeirantes, na frente de um centro de acolhimento a pessoas em situação de rua, e fizeram diversos disparos de arma de fogo que atingiram três vítimas.

Uma delas, Odinilson Landvoigt de Oliveira, 41 anos, foi a óbito no local. Oziel Ferle da Silva, 35 anos e William Pereira de Oliveira Filho, 25 anos, foram feridos e socorridos pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu), com vida e levados ao Hospital Regional de Rondonópolis, onde passaram por procedimentos cirúrgicos.

A outra vítima assassinada foi Thiago Rodrigues Lopes, 37 anos, um pouco mais a frente do local onde ocorreu o primeiro homicídio, na entrada do bairro Vila Canaã.

Após o caso vir à tona, Cássio foi preso enquanto trabalhava; já Elder foi detido após se apresentar à delegacia de Rondonópolis, na tarde de sexta-feira (29).

Veja também

Sorriso: Veículo utilizado em homicídio no bairro São José é apreendido e mulher é conduzida para a delegacia

Sorriso: Jovem é executado com pelo menos três tiros no bairro São Mateus

Sorriso: Jovem é atingido por dez disparos de arma de fogo em troca de tiros no São José

Sorriso: Vazamento em Botijão de Gás provoca incêndio em Kitnet no bairro Centro Norte

Sorriso: Mulher esfaqueia ex-marido ao vê-lo com outra mulher, no Jardim Primavera

Delegada Jessica Assis fala sobre a Campanha Maio Laranja de combate ao abuso e à exploração sexual infantil