Comerciante é morta a tiros ao abrir portão para receber falsa entrega em casa

Camila Brito da Silva, 26, foi morta dentro de casa por homem que se passava por entregador, na manhã desta segunda-feira (27), em Lucas do Rio Verde (354 km ao norte de Cuiabá). A vitima era dona de um bar na região.

Conforme informações, os policiais foram acionados para uma ocorrência de homicídio no loteamento Jardim Primavera.

Testemunhas relataram que a jovem estava com seu namorado em casa, quando um homem a chamou na frente da casa dizendo que tinha uma entrega. No momento em que Camila abriu o portão, o suspeito efetuou vários disparos contra ela, que não resistiu aos ferimentos e morreu ainda no local.

O suspeito fugiu na sequência. Não há informações sobre o companheiro da jovem.

Equipe da Perícia Oficial de Identificação Técnica (Politec) esteve no local para os procedimentos de perícia. A Polícia Civil investiga o crime.

Veja também

Corpo de bombeiros captura cobra cascavel em empresa de Sorriso

Governador defende eficiência e que Brasil lidere setor da economia verde

Medida Provisória do Auxílio Reconstrução do Rio Grande do Sul entra em vigor

Ministro Alexandre de Moraes suspende por mais 90 dias processo sobre Ferrogrão no STF

Primeira-dama de Mato Grosso abraça a causa da Conscientização sobre a Doença Celíaca

Governador se reúne com banco que pretende financiar projetos de descarbonização em MT