Compras realizadas até 31 de agosto concorrem em dois sorteios do Nota MT

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

Os consumidores que fizerem compras no comércio local e pedirem o CPF na nota vão concorrer no mês de setembro a 1.010 prêmios do Nota MT, que juntos somam R$ 800 mil. Isso porque serão realizados dois sorteios, o Mensal de Agosto e o Especial Primavera – que trará premiações de R$ 50 mil.

No dia 09 de setembro acontece o sorteio referente ao mês de agosto, com 1.000 prêmios de R$ 500 e cinco de R$ 10 mil. Nele vão concorrer quem pediu o CPF na nota fiscal ou no bilhete de passagem eletrônico (BP-e) em compras realizadas entre os dias 01 e 31 deste mês.

Já no dia 16 de setembro outros cinco prêmios de R$ 50 mil serão sorteados no concurso Especial Primavera. Para esse sorteio, estarão concorrendo os documentos fiscais emitidos com o CPF no período de 01 de junho a 31 de agosto. Conforme as regras já estabelecidas, os sorteios especiais contemplam os documentos acumulados ao longo de 3 meses, aumentando as chances dos participantes.

Cada documento fiscal emitido com o CPF do consumidor gera dois bilhetes, um para o sorteio mensal e outro para o sorteio especial, independente do valor da compra. Para consulta-los é preciso acessar a conta do Programa Nota MT, no site ou aplicativo, selecionar a opção “Sorteios” e escolher o sorteio desejado.

Aqueles que ainda não participam do Programa Nota MT e querem concorrer aos prêmios precisam fazer, antes de tudo, um cadastro. Para se cadastrar basta instalar o aplicativo no seu celular ou acessar o site, escolher a opção “criar conta” e informar os dados solicitados. Na primeira etapa informações pessoais como nome completo, CPF, data de nascimento e nome da mãe deverão ser informadas. Os dados são obrigatórios para prosseguir o cadastro e estão protegidos sob sigilo.

Os sorteios dos dias 09 e 16 de setembro serão realizados na sede da Sefaz, com transmissão ao vivo nas redes sociais do Governo de Mato Grosso e da Secretaria de Fazenda.