Geral

Consciência Negra: caem registros de preconceito em Mato Grosso

Publicado em 20/11/2020


A Gazeta

Registros de ocorrências de preconceito racial diminuem em Mato Grosso. A queda de 11% é contabilizada entre os meses de janeiro a outubro deste ano, em comparação ao mesmo período do ano passado. Mesmo com a criminalização da conduta e as práticas ainda latentes nos dias de hoje, há quem escolha não notificar as autoridades. Por outro lado, a redução pode ser vista como um resultado da luta do movimento negro pela igualdade e pelo respeito a todos.

A Comissão em Defesa da Igualdade Racial da seccional mato-grossense da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB-MT) avalia que esse cenário já pode estar sendo construído, mesmo que de maneira ainda tímida. Isso justificaria, portanto, a redução das ocorrências de preconceito racial no Estado. Apesar de não deixar de reconhecer a desistência das vítimas de denunciar. “Sendo positiva, quero acreditar que a diminuição seja pela sociedade mais consciente”, frisa a presidente interina Naryanne Cristina Ramos Souza. Afinal, pontua a advogada, há uma grande mobilização por parte do movimento negro, que está sempre denunciando os casos de racismo e de preconceito e, também, nas redes sociais há muita movimentação pela inclusão da população negra.

Enquete. Participe!

Sobre a vacinação contra covid-19: