Cooper Vale diz que coopera com investigação sobre fraude na Prefeitura de Sorriso

O Presidente da Cooper Vale José Roberto Vieira confirmou que o coordenador da cooperativa também foi afastado de suas funções em virtude de uma fraude que está sendo investigada dentro do contrato que a instituição tem com a Prefeitura de Sorriso.

Segundo José Roberto, não é hora de se apontar responsáveis ou culpados. “Temos o nosso coordenador que cuida, que foi afastado, tem o servidor que já foi afastado e também tem o secretário. Não tem como dizer quem errou. Alguém tem culpa, mas hoje é difícil dizer quem”.

Em torno de 1.400 cooperados da Cooper Vale estão hoje atuando junto à Prefeitura de Sorriso, ligados a várias secretarias municipais. A situação levantada nesta terça-feira (23-05) levou ao afastamento do servidor que atuava como fiscal do contrato da cooperativa com a Prefeitura. Ele estava lotado na Secretaria de Cidades.

Jose Roberto afirmou que só nesta semana foi informado da situação com a Prefeitura e garantiu eu a cooperativa está auxiliando no levantamento dos fatos. “Repassamos toda a informação dos cooperados de todas as secretarias, todos os pagamentos feitos, inclusive de rateios de sobras, nomes de quem recebeu os depósitos. Dois foram feitos em contas de terceiros, mas tem autorização tudo certinho”.
Ele disse ainda que não tem valores exatos para falar e afirmou que a cooperativa é criteriosa quando da associação de cooperados. Dos seis servidores não encontrados, apenas dois tem os salários mensais depositados em conta de terceiros. “Sempre pedimos que assinem autorização para fazermos o depósito na conta de terceiros. Temos toda a documentação”, afirmou.

Em maio de 2021 a Cooper Vale foi alvo de uma operação do Gaeco. Exatamente um ano após, a instituição volta a ser notícia. Segundo o presidente, isso não quer dizer que a cooperativa seja inidônea. “Não se pode dizer isso. Até porque é uma investigação. Vamos aguardar o final das investigações. São 26 municípios que atuamos com mais de cinco mil cooperados trabalhando. Eu garanto que a Cooper Vale é uma empresa séria. Mas, como é muita gente, é difícil não escapar. Não deveria acontecer, mas infelizmente aconteceu. Vamos tomar todas as medidas cabíveis e o que for de responsabilidade da cooperativa vamos arcar. Estamos aqui para isso”, disse.

Por fim, o presidente da cooperativa reafirmou que seu gerente está trabalhando junto com a Prefeitura para fazer um levantamento em relação a todos os outros cooperados que estão trabalhando. “Diante do que aconteceu, temos que fazer um pente fino”. (colaborou Ivan Oliveira)

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

viatura prf

Suspeitos são presos com R$ 500 mil em dinheiro e drogas

motoboy agredido

Motoboy é agredido por empresário por atraso na entrega de pizza em Sinop

WhatsApp-Image-2022-06-29-at-08.07.04-1

Ônibus desgovernado desce avenida e para após atingir farmácia em Lucas

WhatsApp Image 2022-06-29 at 09.24.40

Clínica Damo comemora 30 anos de atuação e reinaugura estrutura moderna no município de Sorriso

Mega-Sena, concurso da  Mega-Sena, jogos da  Mega-Sena, loteria da  Mega-Sena

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 37 milhões

coleta

Coleta de resíduos segue para o Setor 6