Geral

Defensora em MT morre aos 51 anos

Por: Folha Max Publicado em 07/02/2020

É com grande pesar e consternação que a Defensoria Pública de Mato Grosso recebe a notícia do falecimento da defensora pública Rejane Iara Snidarsis Masini, aos 51 anos de idade. A defensora, que lutava contra um câncer desde 2016, faleceu às 20h nesta quinta-feira (6), em São José do Rio Pardo (SP), sua cidade natal. Rejane era defensora pública em Mato Grosso desde 2014.

O funeral está ocorrendo neste momento no Velório Municipal, na rua Domingos Possebon, em São José do Rio Pardo, e seguirá até as 14h de hoje, quando será realizado o enterro. Odefensor público-geral, Clodoaldo Queiroz, declarou luto oficial de 3 (três) dias no âmbito da Instituição, a partir de hoje (7) e emitiu a seguinte declaração: “Em 20 anos, desde que a Defensoria Pública foi instalada em Mato Grosso, é a primeira vez que perdemos um membro por falecimento. A Dra. Rejane era uma pessoa muito dedicada e intransigente na defesa da população carente deste estado. Era uma guerreira que, ao mesmo tempo, mantinha um alto-astral contagiante, que iluminava todos que estavam ao seu redor. É um momento de muita tristeza para todos nós que estamos na trincheira da defesa das pessoas e grupos vulneráveis, dos quais a Defensoria Pública é a voz e instrumento de ação.”

A Defensoria Pública presta suas sinceras condolências aos familiares e amigos. O atendimento à população ocorrerá normalmente nesse período.

Enquete. Participe!

Em sua opinião, quais secretários do governo Ari Lafin devem continuar na próxima gestão?
(É possível votar em mais de um)