Dois adolescentes são apreendidos em flagrante pela Polícia Civil durante tortura contra vítimas

Dois adolescentes foram apreendidos na noite de terça-feira (18.07), em flagrante, pela Polícia Civil, no momento em que torturavam um casal em Pontes e Lacerda, a mando de uma facção criminosa.

Os dois menores, de 13 e 14 anos, responderão pelos atos infracionais análogos aos crimes de tortura e associação criminosa.

De acordo com o delegado Guilherme Campomar, na noite de ontem, a unidade da Polícia Civil recebeu a informação de que integrantes da facção iriam a um local próximo ao Rio Guaporé, em Pontes e Lacerda, para executar um ‘salve’, ou castigo como forma de tortura a fim de aplicar disciplina contra um morador da cidade.

A equipe policial se dirigiu ao local indicado e permaneceu em monitoramento, quando conseguiu identificar a movimentação de algumas pessoas, mesmo diante da baixa luminosidade. Um veículo chegou e saiu do local e após alguns minutos, os policiais começaram a ouvir gritos e barulhos de chibatadas.

Diante dos fatos, os investigadores e delegados realizaram a abordagem e avistaram quatro pessoas. Um dos suspeitos tentou fugir, mas foi alcançado e detido.

As vítimas foram encontradas, ajoelhadas. Uma adolescente segurava uma lanterna apontada paras as vítimas e o outro adolescente deu os golpes contra o casal com um pedaço de mangueira, que deixou lesões severas em uma das vítimas.

Os dois adolescentes foram encaminhados à Delegacia de Pontes e Lacerda e apreendidos em flagrante.

Os menores serão apresentados ao Judiciário e Ministério Público.

Veja também

Seguro Vida Mulher Sicoob garante proteção e tranquilidade para o futuro

Policiais Militares vítimas de naufrágio são sepultados com honras em Mato Grosso

Diamond Park: inovando o Conceito de Moradia em Sorriso

Fumaça na sala de embarque do aeroporto Marechal Rondon assusta passageiros

Ex-padrasto é preso pela Polícia Civil após abusar sexualmente de adolescente e induzi-la a aborto

Sorriso: Empresário morre após cair em lago artificial na região do Rio Teles Pires