TV A Voz do Povo

Enquanto estiver pendente de julgamento no TRE, Junior Pé no Chão pode continuar fazendo campanha eleitoral (Video)

Publicado em 29/10/2020

Muitos eleitores estão questionando porque o candidato a prefeito Junior Pé no Chão (PCdoB), mesmo tendo tido seu pedido de registro de candidatura indeferido continua podendo fazer campanha eleitoral e até mesmo poderá ter seu nome colocado na urna eleitoral.

A chefe do Cartório Eleitoral de Sorriso, Andrea Fenner, explica a situação do candidato que encontra-se na situação de ‘indeferido com recurso’: “Teve um candidato, o Junior Pé no Chão que o pedido de registro de candidatura dele foi indeferido e foi apresentado recurso. Então o processo subiu para o tribunal (TRE). Então a situação dele agora é indeferido com recurso”.

Sobre o fato de Junior Pé no Chão, mesmo com pedido de registro de candidatura tendo sido indeferido, ele continua podendo fazer propaganda eleitoral, Andrea Fenner disse que: “Enquanto estiver pendente desse julgamento, ou seja, sob judice, ele pode continuar fazendo propaganda eleitoral e enquanto o tribunal não decidir fica nessa situação. Se o tribunal decidir manter esse indeferimento, aí ele não poderá mais fazer propaganda eleitoral”.

Respondendo se o candidato Junior Pé no Chão terá ou não o seu nome nas urnas e se os seus possíveis votos serão computados a chefe do Cartório Eleitoral respondeu: “A gente faz os procedimentos nos sistemas para fazer carga e lacre da urna, nós encerramos os sistemas até sexta-feira agora. Na situação em que ele está hoje, esse candidato vai para a urna. Ele sendo julgado depois disso, se o tribunal mantiver o indeferimento dele, aí não serão apurados os votos dele, mas se o tribunal reformar a decisão, ou seja, ser julgado deferindo a candidatura, aí os votos dele serão computados. Não tem um prazo para o tribunal fazer esse julgamento, o prazo é impróprio. A qualquer momento, o tribunal pode analisar. A gente acredita que seja o mais rápido possível”.

Enquete. Participe!

Em sua opinião, quais secretários do governo Ari Lafin devem continuar na próxima gestão?
(É possível votar em mais de um)