Agronegócio Trânsito

Estrada de acesso ao Assentamento Jonas Pinheiro vai receber ponte de madeira no lugar da galeria destruída pela chuva

Por: Assessoria Publicado em 23/02/2021

O tempo firme de ontem (22) permitiu que as equipes da Prefeitura pudessem avaliar novamente a situação da Estrada Basso, que dá acesso ao Assentamento Jonas Pinheiro (Poranga) e teve uma galeria  destruída pelas águas da chuva do início do mês. No dia 6, a via teve de ser interditada e, desde então, equipes da Secretaria Municipal de Transportes (Semtra) tentaram, sem sucesso, recuperar, tanto a galeria de drenagem pluvia, quanto a estrada, nos períodos de tempo seco, que tem sido raros nos últimos dias.  O trabalho feito nestas janelas com tempo ensolarado, no entanto, foi todo desfeito pela chuva da madrugada do dia 15.

Com a vistoria de ontem, conduzida pelo secretário de Transportes, Leonir Capitâneo; pelo ajdunto da pasta, Emerson de Faria; e pelo vice-prefeito, Gerson Bicego, ficou definida a construção de uma estrutura provisória de madeira na via, em substituição à antiga galeria de drenagem pluvial, que se mostrou ineficiente frente à vazão das águas do local. Gerson também informa que há o planejamento para que uma estrutura de alvenaria seja edificada no local.

Na manhã de hoje (23), uma equipe já se deslocou para o local para iniciar o trabalho, que depende das condições climáticas favoráveis para que seja concluído. Segue a orientação para que os condutores adotem rotas alternativas, visto que não há condições seguras para tráfego e travessia na via.

 “Sabemos desta demanda e estamos atentos para resolver isso de maneira rápida e definitiva, mas não há como fazer qualquer tipo de intervenção quando o solo está muito molhado”, comenta o vice-prefeito, complementando que as chuvas tem sido intensas nos últimos dias. “Por isso, pedimos mais um pouco de paciência e compreensão, lembrando que este trabalho depende de tempo seco para ser executado”, reforça.

Enquete. Participe!

Em sua opinião, o município de Sorriso deveria montar leitos de UTI?