Estudante de medicina suspeito de estupro em MT registra BO por calúnia e ameaça

Por: G1 MT

O estudante de medicina da Universidade Federal de Mato Grosso (UFMT) acusado de estuprar uma jovem de 18 anos, procurou nessa quarta-feira (05) uma unidade da Polícia Civil e registrou boletim de ocorrência por denunciação caluniosa e ameaça.

O caso gerou grande repercussão depois da jovem postar mensagens em seu perfil nas redes sociais relatando o crime.

A jovem que registrou a denúncia na Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Cuiabá, onde relata que foi estuprada depois de tomar um remédio que o suspeito ofereceu e ficar inconsciente.

Segundo ela, o episódio ocorreu no dia 4 de dezembro do ano passado, mas só veio à tona após a publicação.

Em nota, a UFMT e a Faculdade de Medicina informaram que estão acompanhando o caso e aguardando as investigações da polícia e que, segundo o regimento de disciplina do corpo discente da instituição, a prática de atos incompatíveis com a vida universitária e a condenação criminal definitiva por crime incompatível com a vida universitária são hipóteses passíveis de expulsão.

Próximo

Estudante de medicina suspeito de estupro em MT registra BO por calúnia e ameaça