Ex-secretário Ednilson de Oliveira, em oitiva na CPI dos Funcionários Fantasmas, diz ser inocente e que foi enganado

O ex-secretário de Cidade de Sorriso, Ednilson Lima de Oliveira foi ouvido na reunião da CPI – Comissão Parlamentar de Inquérito que investiga denúncia de funcionários fantasmas lotados na pasta.

Ele respondeu aos questionamentos feitos a ele sobre os funcionários, que eram cooperados e segundo ele, eram pagos por meio da Secretaria de Cidade, porém deveriam prestar serviços na Secretaria de Obras. De acordo com ele, quem seria responsável por fiscalizar a prestação de serviço seria o fiscal de contratos, servidor afastado Claudiney da Silva Oliveira (que permaneceu calado durante sua oitiva na CPI).

O secretário afirmou em seu depoimento que não conhecia os cooperados e que nunca teve contato com eles. Segundo o secretário, o adjunto Bruno Delgado foi quem acabou descobrindo a fraude e reuniu a documentação dos possíveis funcionários fantasmas, inclusive com folhas de pagamento e contas em que eram depositados os valores desviados.

Durante a oitiva, vereador Mauricio Gomes apresentou um requerimento no qual pede o afastamento do prefeito Ari Lafin e do secretário de Fazenda, Sérgio Kokoca.

Ednilson Oliveira afirmou que tanto ele, quanto o prefeito Ari Lafin são inocentes e que foram enganados nesse esquema para desvio de recursos públicos. Ele disse que não enriqueceu ilicitamente e que está disposto a colaborar com todas as informações tanto para CPI, quanto para o Ministério Público. O secretário disse que apresentou os documentos reunidos com nomes dos servidores fantasmas e encaminhou para o Ministério Público.

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

camara de sorri fachada

Sorriso: CPI dos Funcionários Fantasmas deve ouvir mais três testemunhas na quinta-feira

jane cpi

CPI das Liminares da Saúde: Jane Delalibera quer saber quem é responsável por gerenciar o Fundo Municipal de Saúde

Wanderley Paulo cpi

CPI das Liminares da Saúde ouve ex-tesoureira e presidente do Conselho Municipal de Saúde

abandono de incapaz

Homem é preso após abandonar filha para ir beber em bar

mauricio gomes

Mauricio Gomes faz pedido de afastamento do prefeito Ari Lafin durante oitiva na CPI dos Funcionários Fantasmas

Claudiney da Silva Oliveira cpi

Investigado na CPI dos Funcionários Fantasmas, Claudiney da Silva Oliveira usa do direito de permanecer calado em oitiva e sai pela porta dos fundos da Câmara