Explosão em garimpo deixa pelo menos dois mortos; filha de empresário seria uma das vítimas

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

Pelo menos duas pessoas teriam morrido após uma explosão, em uma região de garimpo da cidade de Guarantã do Norte (708 quilômetros de Cuiabá), ocorrida na madrugada desta sexta-feira (20). Uma das vítimas seria uma jovem, identificada preliminarmente como Dani Trajano Dalffe. Um funcionário também teria perdido a vida na ocorrência.

Os detalhes de como tudo aconteceu ainda são escassos, devido à dificuldade de acesso ao local. Porém, sabe-se que a jovem estava manipulando dinamites no momento em que houve a explosão. Ela e outro homem estava em uma espécie de galpão, que fica na zona rural.

A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) confirmou o acionamento para a ocorrência, mas como o local é ermo, ainda não há detalhes do ocorrido. As equipes receberam o chamado por volta das 09 horas.

A Polícia Civil da cidade também foi acionada para seguir até o local.

Nas redes sociais, amigos já começaram a postar mensagens de despedidas para a jovem. Dani é filha dos empresários Delma Trajano Dalffe de Araujo e Roberto Carlos Dalffe de Araujo.

Dani Dalffe trabalha na empresa da família, Arcompeças, que atua há mais de 15 anos em obras mineradoras, PCHs, construtoras, barragens, entre outras. Os serviços feitos são de: desmonte de rocha com uso de explosivos; injeção e projeção de concreto; aluguel de perfuratrizes e toda linha de material de extensão.

GOE foi acionado para retirar explosivos

O Grupo de Operações Especiais (GOE), da Polícia Civil, foi acionado para seguir até a região de Guarantã do Norte (708 quilômetros de Cuiabá), para retirar os explosivos que sobraram em um garimpo, onde ocorreu uma detonação acidental, na madrugada desta sexta-feira (20), em que duas pessoas morreram. Uma delas seria Dani Trajano Dalffe, filha de um empresário.

O delegado Geraldo Gerzoni disse que a equipe está ciente do fato e já foi deslocada para a área. Ainda não há como precisar o momento da explosão, mas acredita-se que ela tenha acontecido no início da madrugada, por volta de 01 hora da manhã.

Quando a equipe chegou ao local, conseguiu visualizar os dois corpos, sendo de um homem e uma mulher. Os policiais e a Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) não puderam se aproximar, já que ainda há no local outros explosivos.

Por conta disto, a unidade especializada do Grupo de Operações Especiais (GOE) foi acionada e segue de Cuiabá até a região para fazer a retirada dos explosivos. Apesar de ainda não confirmado de forma oficial, amigos próximos e familiares já adiantaram que Dani Dalffe é uma das vítimas.

galeria de imagens