Governador afirma que Ferrogrão vai alavancar desenvolvimento de MT: “Defendo com unhas e dentes”

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

O governador Mauro Mendes afirmou que a construção da Ferrogrão será um importante passo para alavancar o desenvolvimento de Mato Grosso, especialmente no escoamento da produção de grãos.

A Ferrogrão é esperada há décadas e ligaria o município de Sinop, em Mato Grosso, até o porto de Miritituba, no Pará. Neste sábado (21.08), haverá uma manifestação em defesa da ferrovia, que contará com a presença do ministro da Infraestrutura, Tarcísio de Freitas.

“Desde o primeiro dia de mandato tenho cobrado essa questão. A Ferrogrão, assim como a Fico e a ferrovia estadual, que lançamos no mês passado, são importantes alternativas para que a logística de Mato Grosso esteja à altura do volume da produção. Somos os maiores produtores de alimentos do país, e um dos maiores do mundo”, destacou.

Mauro Mendes reforçou que defende “com unhas e dentes” o lançamento da obra e acredita que o ministro Tarcísio conseguirá tirar do papel a ferrovia, que ainda enfrenta entraves burocráticos.

“Temos visto o esforço do Governo Federal, do ministro, da nossa bancada e aqui do Governo do Estado para que a ferrovia consiga ser lançada. E vamos continuar lutando por todas as boas iniciativas que melhorem a vida dos mato-grossenses”, destacou.

De acordo com Mauro Mendes, a Ferrogrão deverá baratear o custo do frete, acelerar e facilitar o escoamento da produção, desafogar o trânsito na BR-163 e trazer mais desenvolvimento, investimentos e empregos para toda a região norte de Mato Grosso.

“A Ferrogrão tem investimento previsto de mais de R$ 21 bilhões. Isso vai gerar milhares de empregos. E, ao contrário do que tem sido ventilado por alguns, é uma obra sustentável, que pode ser implementada com total respeito ao meio ambiente”, finalizou.