Lucas do Rio Verde

Homem que agrediu e enforcou companheira é preso em flagrante em Lucas do Rio Verde

Um homem de 23 anos foi detido em flagrante pela Polícia Civil após agredir e enforcar sua companheira, de 20 anos, na noite de terça-feira (29.08) nesta cidade localizada a 354 km ao norte de Cuiabá. A prisão foi realizada poucas horas após o ocorrido, graças a uma ação rápida dos policiais do Núcleo de Atendimento à Criança, Idoso e Mulher da Delegacia local.

O crime aconteceu na residência do casal, situada no bairro Bandeirantes, e foi motivado por ciúmes. Segundo informações, o homem teria agredido a vítima e a enforcado, resultando em diversas lesões. A vítima, após o ocorrido, conseguiu buscar auxílio na Delegacia de Lucas do Rio Verde na manhã seguinte (30), onde denunciou o ocorrido. Após serem constatadas as lesões, a vítima foi encaminhada para realizar um exame de corpo de delito.

Assim que a denúncia foi feita, os policiais iniciaram investigações imediatas, buscando possíveis locais onde o suspeito poderia estar. O homem foi localizado e preso em flagrante com base nas evidências coletadas pelas autoridades.

A delegada Ana Carolinne Mortoza Lacerda Terra, responsável pelo caso, autuou o suspeito por lesão corporal qualificada no contexto da violência doméstica. Não foi arbitrada fiança devido à gravidade das acusações e à preocupação em relação à segurança da vítima. A prisão ocorreu de forma ágil, visando não apenas responsabilizar o agressor, mas também enviar uma mensagem de que a violência doméstica não será tolerada.

A delegada ressaltou a importância da ação policial e da rapidez na resposta diante da violência contra mulheres em situações de vulnerabilidade. Ela enfatizou que essa prisão é um passo significativo para combater a sensação de impunidade que muitas vezes está associada a crimes dessa natureza.

 

Veja também

Homem é baleado no Jardim Carolina e é socorrido ao Hospital Regional de Sorriso

Sorriso: corpo de homem carbonizado é encontrado dentro de veículo

Ex-padrasto de vítima de estupro é preso após ameaçar mãe da criança para não denunciar crime

Ação integrada da PM e PRF apreende 200 quilos de drogas em Barra do Garças

“Considero o fim da ‘saidinha’ um avanço legislativo, mas precisamos de muito mais”, afirmou a primeira-dama de MT, Virginia Mendes.

Mulher é mantida em cárcere privado e agredida pelo marido; cortou seu cabelo com facão