Inscrições para 2ª edição do Fies 2023 vão até sexta-feira (7)

O Ministério da Educação abriu as inscrições para o processo seletivo do Fundo de Financiamento Estudantil (Fies) do segundo semestre de 2023. Os interessados  devem se inscrever até 23h59 de sexta-feira (7), por meio do Portal Único de Acesso ao  Ensino Superior. Nesta edição são ofertadas 77.867 vagas em 1.265 instituições privadas.

Para participar do processo seletivo do Fies o candidato deve ter feito o Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) a partir da edição de 2010, possuir renda familiar mensal bruta per capita de até 3 salários mínimos, não ter zerado a redação e ter média superior a 450 pontos nas provas.

O economista Marcos Sarmento Melo afirma que o financiamento estudantil é uma ótima iniciativa, pois possibilita aos estudantes que ainda não possuem condições o acesso a um curso superior.

“É interessante porque faz com que o estado subsidie a taxa de juro que a pessoa depois vai pagar possibilitando que ela tenha um pagamento de prestações mais baixas e assim ela possa ao longo do tempo depois quando ela tiver um emprego que tenha uma renda maior possibilitada pelo curso superior, efetuar os pagamentos e aí alimenta todo processo fazendo com que outras pessoas tenham a possibilidade também de tomar o crédito e assim conseguir avançar na carreira profissional”, afirmou Sarmento.

No dia 11 de julho o MEC vai divulgar a ordem de classificação e pré-seleção em chamada única, no Portal Único de Acesso. Os pré-selecionados têm entre os dias 12 e 14 de julho para complementar as inscrições. A convocação por meio da lista de espera está prevista para acontecer entre os dias 18 de julho e 29 de agosto.

O Fies concede financiamento a estudantes de cursos de graduação em instituições de educação superior privadas que aderiram ao Programa e com avaliação positiva no Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes). Desde 2018, o Fies possibilita juros zero a quem mais precisa e uma escala de financiamento que varia conforme a renda familiar do candidato.

 

Veja também

Governo de Mato Grosso regulamenta Programa de Escolas Estaduais Cívico-Militares

Coordenadora Pedagógica da Educação Infantil em Sorriso fala sobre adaptação de alunos na volta às aulas

Promotoria de Justiça de Sorriso instaura Procedimento Administrativo para cumprimento da Lei Estadual do Livro e da Leitura

Reformas em escolas municipais alteram cronograma de retorno às aulas

Governo de Mato Grosso mantém a meta de ampliar o número de alfabetizados até 2025

Secretária Municipal de Educação atualiza sobre o processo de volta às aulas e fala do transporte escolar