Instituto Nefrológico Ltda terá concessão do Centro de Hemodiálise em Sorriso

Na manhã desta segunda-feira (05/02), o Instituto Nefrológico Ltda. destacou-se como a única empresa a participar da Concorrência Pública 012/2023, que visa a Concessão do Centro de Hemodiálise em Sorriso. A concorrência tem como objetivo a operacionalização e gerenciamento dos serviços de Terapia Renal Substitutiva (TRS) pelos próximos 20 anos, utilizando a estrutura física construída pela Prefeitura para abrigar o Centro.

A empresa apresentou um lance mensal de R$ 19.500, superando o lance mínimo de R$ 19.040,00 estipulado no edital. O procurador-jurídico do Município, Eslen Parron Mendes, destaca que a empresa tem até 90 dias, conforme o documento, para disponibilizar todos os equipamentos, materiais e pessoal necessários para o pleno funcionamento do Centro de Hemodiálise.

O secretário-adjunto de Saúde e Saneamento (Semsas), Silvio Stolfo, que acompanhou todo o processo, ressalta a importância desse avanço. “Ofertar a terapia renal substitutiva em Sorriso certamente trará um ganho imenso na qualidade de vida dos pacientes, evitando deslocamentos a outras cidades para o tratamento e reforçando Sorriso como polo de saúde para toda a região.”

O secretário de Administração, Estevam Calvo, destaca a licitação como uma etapa crucial no trabalho desenvolvido pelo Executivo Municipal. “Desde a elaboração do projeto até a fiscalização da obra e a preparação da documentação para a licitação, diversas ações foram conduzidas para garantir o acesso à hemodiálise mais próximo de casa para nossos munícipes.”

Veja também

Vício em jogos foi tema de entrevista com Psiquiatra no programa A Voz do Povo

Juíza Emanuele Navarro Mano fala sobre adoção no Programa A Voz do Povo

Sorriso: condutor perde controle de veículo e colide em poste na avenida Claudino Frâncio

Covid-19: “Imunização periódica é a maior arma contra a doença”, diz infectologista

Delegado titular da DHPP fala sobre combate ao tráfico, guerra de facções e gestos ou sinais

Dia dos Namorados: Psicólogas falam sobre autocuidado e como escapar das armadilhas da carência