Mato Grosso registra aumento em mortes causadas por picada de cobras

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

Mato Grosso registrou um amento de 33% no numero de mortes causadas por picada de serpentes. Os números são referentes ao período de janeiro a outubro desse ano.

De acordo com levantamento realizado pelo G1 MT, em 2020 foram registradas 06 mortes de pessoas, após serem picadas por cobras peçonhentas, enquanto que em 2021, o estado de Mato Grosso já registra 08 mortes.

Informações do Sinan – Sistema de Informações de Agravos de Notificações, no ano passado Mato Grosso registrou 1.065 casos de acidentes com cobras perigosas. Desse total, 1.027 eram jararacas.

Neste ano, de janeiro a outubro, o estado registrou 758 acidentes com serpentes e, destes, 669 com jararacas. O veneno dessa serpente é formado por enzimas que degradam a musculatura e causa hemorragias e necrose no local onde houve a picada.

A espécie é responsável por mais de 90% dos acidentes com cobras no Brasil.

De acordo com a Secretaria Estadual de Saúde (SES-MT), o abastecimento de soros antiofídicos no estado e a distribuição às unidades de saúde está regular.

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

cavalo ruas de sorriso

Sorriso: cavalo circula por ruas da cidade e chama a atenção da população

Fiscalização na Reserva Extrativista Guariba Roosevelt

Governo de MT não participa de operação em Reserva Roosevelt

anta-resgatada-pela-sema

Anta encontrada com corte na cabeça por faca recebe aplicação células-tronco em MT

thumb__1280_0_0_0_auto - 2022-05-17T151055.826

Coleta seletiva de resíduos será gradativamente ampliada a partir da próxima semana

thumb__1280_0_0_0_auto - 2022-05-17T145148.280

Equipe que coleta resíduos sólidos vai para o Setor 8 na próxima semana

thumb__1280_0_0_0_auto - 2022-05-16T170400.704

Dia de Campo irá apresentar a realidade de uma Horta Urbana