Agronegócio

Milho: venda antecipada da safra desacelera em Mato Grosso

Por: Canal Rural Publicado em 09/03/2021

Mato Grosso comercializou 70,89% da safra de milho 2020/2021 até fevereiro, informou o Instituto Mato-Grossense de Economia Agropecuária (Imea), em boletim semanal.

Segundo o Imea, o avanço de janeiro para fevereiro foi de 2,94 pontos porcentuais e o total comercializado ficou, pela primeira vez, menor do que o observado na safra passada, “sendo influenciado pelas incertezas do atraso na semeadura do cereal”. O preço médio da saca foi de R$ 58,64.

O Imea observa, no mesmo boletim, que normalmente o plantio da safrinha de milho se encerra no fim de fevereiro. Mas até o momento apenas 73% da área estava semeada, faltando cerca de 30% do plantio para a conclusão dos trabalhos.

Em relação à safra 2021/22, os produtores mato-grossenses já travaram 12,67% da colheita futura de milho, avanço de 1,75 ponto porcentual ante janeiro. “A safra 2021/22 também fica pela primeira vez atrás da anterior, que nesse período já contava com 15,17% comercializados”, cita o Imea. O preço médio foi de R$ 47,10 a saca.

O instituto informou também que as vendas de milho da safra passada, do ciclo 2019/20, se encerraram em fevereiro, quando o estado comercializou os últimos 0,47% da colheita ainda guardada nos silos ao preço médio de R$ 67,65 por saca.

Enquete. Participe!

Em sua opinião, o município de Sorriso deveria montar leitos de UTI?