Morto em tiroteio com a PM era filho e neto de ex-policiais em MT

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

Um dos suspeitos mortos na troca de tiros com a Polícia Militar durante o roubo em uma fazenda de São José do Rio Claro (315 km ao Médio-Norte de Cuiabá) foi identificado como Sávio Henrique Santos Arquaz, 25. Ele era filho e neto de ex-policiais militares do município.

A ação resultou na morte de uma moradora de 65 anos, deixou o marido dela de 69 baleado na cabeça, prendeu 3 assaltante e dois continuam foragidos. De acordo com o boletim de ocorrência que o  teve acesso, consta que após a troca de tiros, Sávio e outro suspeito – Jean Carlos dos Santos, 23 anos, conhecido como Chiclete Babalu – foram encontrados feridos dentro da casa das vítimas enquanto 3 comparsas fugiram. Com eles, a polícia apreendeu duas armas de fogo, sendo uma pistola 9 mm e uma espingarda calibre 36.

O documento descreve que a pistola estava em posse de Sávio, além de 5 munições intactas. O comparsa, que não foi identificado, estava com a espingarda, 12 cartuchos deflagrados e 2 intactos. Sávio era morador de São José, a família é bastante conhecida na região.

O avô e o pai são ex-miliatares de prestígio. O primeiro, por exemplo, concorreu ao cargo de vereador nas últimas eleições municipais, mas não foi eleito. Sávio era peão e costumava participar de provas de montaria.

Roubo

Grupo de 7 criminosos invadiram a fazenda onde moravam Jairde Alexandre Martinez, 65, e José Carlos Carrilho Martinez, 69. Eles foram rendidos e reféns dos bandidos durante o roubo dos gados no final da tarde de quarta-feira (11).

Durante o crime, a PM conseguiu prender dois dos bandidos que estavam na cidade, desvendando o esquema. No local, houve troca de tiros, que resultou na morte de Jairde, conhecida como Ida. José também foi baleado, em estado grave, foi transferido para Cuiabá.

Já no meio da manhã desta quinta-feira (12), a PM voltou à fazenda e durante rondas, encontrou um dos assaltantes escondido no meio do matagal. Ele foi preso e encaminhado à delegacia. A identidade do suspeito não foi informada. Com isso, são 3 presos e dois foragidos.