MP pede à Câmara documentação referente a autorização para show de Eduardo Costa em espaço da prefeitura

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

A promotora de justiça Élide Manzine de Campos, requisitou à Câmara de Vereadores, cópia de todos os atos legislativos referente ao Projeto de Lei nº 85/2021 que autorizou a cedência de espaço público para realização de show do cantor sertanejo Eduardo Costa.

A promotora quer ainda que os vereadores esclareçam os motivos que levaram a aprovação de lei que autorizou o Municipio de Sorriso a ceder bem imóvel público para realização de evento artístico privado.

O Legislativo sorrisense tem 10 dias para responder.

A Câmara de Vereadores foi procurada, mas até o fechamento desta edição ainda não respondeu.