MT: investigado por torturar vítima na frente da família é preso pela Polícia Civil

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

Policiais civis da Gerência de Combate ao Crime Organizado (GCCO) da Polícia Civil cumpriram na quarta-feira (02.02) a prisão de um homem de 35 anos investigado como um dos autores de um salve contra uma vítima que foi torturada na frente da família.

A equipe da GCCO realizou diligências e conseguiu identificar o endereço atual do criminoso, que foi preso no bairro Primeiro de Março, na Capital. A prisão foi decretada pela 7a Vara Criminal de Cuiabá, que atua em processos contra o crime organizado.

A investigação realizada pela GCCO em 2019 apurou que a vítima foi alvo de um salve praticado por integrantes de uma facção criminosa. A vítima foi agredida e torturada na frente da mulher e do filho como castigo por ele ter se desentendido com um vizinho.

A GCCO apurou durante a investigação a participação de dois suspeitos responsáveis pela sessão de tortura. Foi representada à Justiça pela prisão e busca e apreensão.

A investigação prossegue para investigar o envolvimento e a responsabilização criminal de outras pessoas na tortura e agressão.

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

6b7a22a411992d5e32248211970621ca

Grupo espanca e ameaça matar atendentes do Subway em Sinop

Força Tatica apreende espingardas e revolver em Cuiabá

Homem é preso com arsenal de espingardas, revólver e munições

Quadrilha presa por roubo Rotam CAPA

Três homens são presos após roubo de veículo em MT

62839fdf82fd1

Polícia prende mototaxista escondendo armas roubadas em mochila em MT

2b1770f3-1af5-402a-946d-9a453534ab6f

PRF apreende pasta base de cocaína em MT

Viatura-PM-Sinop-junho-2021-Só-NotíciasGuilherme-Araújo-990x556

Mulher atira contra marido durante briga por causa de pedaço de pizza em MT