Economia

Número de atendimentos no Procon aumenta 75% em relação a janeiro de 2019

Publicado em 11/02/2020

O Procon estadual contabilizou 4.440 registros em janeiro de 2020, o que representa um aumento de 75% em relação ao primeiro mês de 2019. Foram 2.911 atendimentos na forma presencial, via Sistema Nacional de Informações de Defesa do Consumidor (Sindec), e 1.529 online, pela plataforma www.consumidor.gov.br.

Pelo Sindec, a área de “Serviços essenciais” se mantém no topo do ranking de janeiro de 2020, com 1.728 registros – quase 60% do total de registros via sistema. Energia elétrica segue como o assunto mais reclamado: 1.115 reclamações registradas. Atrás de energia aparecem: “Água/Esgoto”, com 314 reclamações, e “Telefonia Celular”, com 176. 

Nesses três assuntos que ocupam o topo do ranking, a cobrança indevida/abusiva é o problema mais reclamado pelos consumidores, sendo: “Energia elétrica” com 1.027; “Água/esgoto”, 287; e “Telefonia Celular”, com 105. 

Em segundo lugar no ranking aparece a área de de “Assuntos Financeiros”, que fechou janeiro com 552 reclamações, sendo: 158 registros para o assunto “Cartão de Crédito”, 148 para “Banco comercial” e 104 para “Financeira”. 

A terceira posição ficou com a área “Produtos”, com 326 registros. Para o assunto “Combustível Automotivo (Gasolina, Álcool, Diesel, Gás)” foram 66 reclamações; “Telefone (Convencional, Celular, Interfone, Etc.)”, 33; e “Eletroeletrônico Importado”, 17.

Sindec janeiro/2020
Colocação/ ÁreaAssuntoRegistros
1º Serviços essenciaisEnergia elétrica1115
Água/esgoto314
Telefonia celular176
2º Assuntos financeirosCartão de crédito 158 
Banco comercial148
Financeira104
3º ProdutosCombustível66
Telefone33

A área “Serviços Privados” ficou na quarta posição, com 229 registros. No assunto “Escola (Pré, 1º, 2º Graus e Superior)” foram registradas 34 reclamações; “Estabelecimento comercial (supermercado, loja, padaria, locadora, frutaria, etc.)” teve 33; e “TV Por Assinatura (Cabo, Satélite, Etc.)”, 23 registros. 

A área “Saúde” ocupa o quinto lugar do ranking com 62 reclamações. Em seguida aparece a área “Habitação” com 10 registros. A sétima e última posição do ranking é ocupada pela área “Alimentos”, com quatro registros. 

www.consumidor.gov.br

Pela plataforma www.consumidor.gov.br o Procon Estadual registrou 1.529 reclamações em janeiro deste ano. A área ”Serviços Financeiros” lidera com 539 reclamações. Em segundo lugar estão ”Telecomunicações”, com 482  reclamações; e em terceiro, “Água, energia e Gás”, com 83. Confira:

consumidor.gov.br
AssuntoRegistros
Serviços Financeiros539
Telecomunicações482
Produtos de telefonia e informática143
Água, energia e Gás83
Demais Produtos63
Produtos eletroeletrônicos e eletrodomésticos63
Demais Serviços61
Transporte56
Saúde25
Turismo/Viagens7
Alimentos6
Habitação1
Educação0

A área “Educação”não teve registro pelo consumidor.gov.br no mês de janeiro.

Enquete. Participe!

Em sua opinião, quais secretários do governo Ari Lafin devem continuar na próxima gestão?
(É possível votar em mais de um)