PF interrompe atividades de 15 caminhões com madeira ilegal em operação em Mato Grosso

A Polícia Federal, em ação conjunta com o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, interrompeu, hoje de madrugada, as atividades de 15 caminhões carregados de madeira, três tratores e três motos na terra indígena Aripuanã, na região da aldeia Taquaral, no âmbito da operação contínua Onipresente. As forças de segurança estão atuando na ação desde o início de junho, na repressão da extração de madeira e garimpos clandestinos em terras indígenas.

Esta é uma área extensa de desmatamento com estradas que vão de Aripuanã até Rondônia, dentro da terra indígena. Calcula-se que todos os dias saem dessa região de desmatamento pelo menos 10 caminhões carregados de toras de alto valor. Pela grande extensão a ser fiscalizada, as equipes conseguiram apenas hoje realizar o equivalente a 10 dias de trabalho.

Em dias anteriores, as equipes atuaram num garimpo no rio Roosevelt, onde foram inutilizadas seis balsas, um caminhão e três motos, em outro garimpo na terra indígena Aripuanã no ponto do Tamari, com inutilização de seis motores e uma pá carregadeira, bem como nas terras indígenas Kayabi, Kaiapó, Zoró, e Parque Nacional do Xingu.

Este ano já foi realizada uma operação na mesma localidade que havia desmantelado o garimpo e agora, a ação reprimiu a tentativa do retorno da atividade garimpeira. Esse ponto também foi alvo da operação Ato Reflexo que resultou na prisão de um servidor da Fundação Nacional do Índio e um cacique que recebia 20% de todo ouro extraído da terra indígena.

A escolha das localidades fiscalizadas foi feita através de monitoramento via satélite no sistema Planet que é capaz de detectar desmatamentos em áreas tão pequenas quanto um quintal de uma casa. Dessa forma, foi possível uma ação assertiva e eficiente.

Onipresente é uma operação contínua na qual atuam em conjunto a Polícia Federal e Ibama pertencente ao programa Guardiões do Bioma, do governo Federal.

 

 

 (fotos: assessoria)

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

proibitivo

Período proibitivo do fogo começa em 1º de julho em MT

80081f2d2aca994cea0199d0e1ea5260

Anvisa determina suspensão do agrotóxico carbendazim

Polícia Militar e Sema apreendem 55 quilos de pescado irregular e duas espingardas

Polícia Militar e Sema apreendem 55 quilos de pescado irregular em MT

thumb__600_0_0_0_auto (29)

Sorriso: coleta de Resíduos segue para o Setor 5

Batalhão Ambiental realiza treinamento de instruções de nivelamento para patrulhamento fluvial CAPA

Batalhão Ambiental treina policiais militares para policiamento nos rios de Mato Grosso

Desmate ilegal em Marcelândia

Operação ambiental multa fazenda em R$ 2 milhões por reincidência no desmate ilegal e uso do fogo