(66) 3544-2595

Telefone

(66) 99634-6964

WHATSAPP

Polícia monta cerco para prender bandidos que fizeram reféns em agências bancárias

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Os agentes da Polícia Civil, Militar e do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer) montaram um cerco no distrito de Japuranã em Nova Bandeirantes (1.020 km de Cuiabá) para conseguirem prender cerca de oito criminosos que renderam funcionários e clientes de duas agências bancárias na manhã desta sexta-feira (4).

De acordo com as informações da Ciopaer, depois de libertarem o grupo de reféns no início da tarde, os bandidos fugiram da agência bancária em três veículos e seguiram em direção do distrito de Japuranã.

Próximo ao distrito, os criminosos queimaram um dos veículos e tentaram fugir em um avião. No entanto, ao perceberem que uma equipe da polícia estava no local, fugiram para uma região de mata. Helicópteros da Ciopaer estão auxiliando nas diligências para localizarem os criminosos.

Segundo a PM, cerca de 120 militares também estão no local. Conforme o Batalhão de Operações Especiais (Bope), os bandidos que atuam na modalidade “Novo Cangaço” ainda não foram encontrados.

Invasão das agências

Os criminosos invadiram as agências no período da manhã desta sexta-feira (4). Informações preliminares apontam que os ladrões utilizam fuzis e espingarda calibre 12 na ação criminosa.

Os bandidos invadiram as unidades bancárias e renderam as vítimas. Os policiais disseram que os criminosos fizeram as vítimas de escudo humano para roubarem grandes quantidades de dinheiro das unidades bancárias. No entanto, o valor ainda não foi informado.