Saúde

Prefeito anuncia início das atividades dos cinco leitos próprios de UTI

Por: Assessoria Publicado em 09/04/2021

Os cinco leitos de UTIs próprios do município entram em funcionamento nesta sexta-feira (09).   O anúncio foi feito pelo prefeito Ari Lafin nesta manhã em reunião interna e coletiva de imprensa. Conforme o secretário de Saúde e Saneamento, LuÍs Fábio Marchioro detalha que o Município estava aguardando o material de insumo para intubação para poder abrir os leitos. “De antemão sabemos que o insumo para intubação é essencial dentro de uma UTI; então aguardamos a chegada desse material para abrir os leitos”, explica.

Os leitos foram abertos na Unidade de Pronto Atendimento Sara Akemi Ichicava. Até então, a UPA municipal contava com cinco leitos de terapia semi-intensiva que foram implementados e  transformados em leitos de UTI exclusivos para tratamento de pacientes com Covid-19. Para isso, o município aplicou R$ 6 milhões; desse total, R$ 5,5 milhões são de recursos municipais. R$ 3,2 milhões integram o Fundo Municipal de Saúde e R$ 2,3 milhões que até então seriam empregados na manutenção do transporte escolar, foram remanejados para a abertura dos leitos. O município recebeu ainda R$ 500 mil de antecipação do duodécimo por parte da Câmara Municipal de Vereadores.

O secretário adjunto de Saúde e Saneamento, Devanil Barbosa, explica que o valor antecipado pela Câmara foi usado na aquisição de equipamentos. E o valor aplicado pela Prefeitura refere-se à insumos, manutenção dos leitos, medicamentos, contratação de equipes e de serviços terceirizados necessários ao atendimento dos pacientes que usarem o espaço.

Já o gestor da Semsas, Luís Fábio Marchioro, pontua que o Município se preocupou com a qualidade de equipamentos e materiais que serão usados. Além da necessidade de equipe acompanhando 24 horas, um leito de UTI contém monitores cardíacos, cama elétrica projetada, oximetria de pulso e rede de gases. “Para pacientes que necessitarem de tomografias, fizemos parceira com o Estado e estas serão realizadas no Regional, e, de antemão já agradecemos ao Estado; já a hemodiálise será realizada ao pé do leito por uma empresa contratada, caso haja necessidade”, explica. “Acabamos de abrir e os cinco leitos já estão ocupados”, adianta.

“Para a UTI, contamos com a formação de uma equipe profissional capacitada e que está preparada para atender com muito carinho e humanização nossos pacientes. Obviamente que desejamos que a população não necessite usar, mas é um alívio poder contar com esses leitos como retaguarda caso haja necessidade”, frisa. “Quero agradecer todo o Executivo, o Legislativo, a sociedade organizada que também contribuiu na busca desses leitos e, em especial o empenho do prefeito Ari Lafin; do vereador Leandro Damiani e todos os demais; do secretário adjunto de Saúde e Saneamento, Devanil Barbosa e o secretário Estevam que trabalharam arduamente para resolver as questões burocráticas para que pudéssemos salvar vidas,” completa.

Marchioro lembra ainda que as pessoas evitem aglomerações, viagens e realização de festas clandestinas. “Nosso apelo é para que todos façam uso das medidas protetivas como a máscara, o álcool 70º e o distanciamento social”, frisa. E a recomendação para quem sentir sintomas é procurar atendimento no Hospital de Campanha Municipal, que fica aberto 24 horas e conta com equipe especializada para atendimento e tratamento da Covid-19.

Enquete. Participe!

Em sua opinião, o município de Sorriso deveria montar leitos de UTI?