Presidente visita Fórum de Sorriso e reforça prioridade da Primeira Instância

A presidente do Tribunal de Justiça de Mato Grosso, desembargadora Maria Helena Póvoas, esteve na Comarca de Sorriso nesta sexta-feira (27 de agosto), e se reuniu com os juízes e juízas para tratar de assuntos relacionados à primeira instância.
A desembargadora informou que até o fim deste ano 25 novos juízes serão chamados, o que vai permitir a movimentação na carreira de magistrados. A conclusão do Concurso da Magistratura, que está na última fase, a de avaliação de títulos, é uma das metas da gestão, conforme destacou a presidente. O edital prevê nove vagas, mas para reforçar os quadros no interior, onde a demanda é maior, a desembargadora anunciou a ampliação.
A presidente falou também da nomeação de 38 novos servidores, autorizada em julho deste ano, onde serão providos 24 cargos de analista judiciário e 14 cargos de técnico judiciário, todos na Primeira Instância, divididos entre 19 comarcas do Estado. “É outra medida que reforça a priorização do Primeiro Grau”, reitera a magistrada.
Pandemia – Além de ouvir os juízes, a desembargadora também falou dos projetos voltados ao Primeiro Grau e enfatizou o desafio de gerir o Poder Judiciário na pandemia, que acabou por prejudicar alguns projetos, como as reuniões nos polos, mas que não impediu avanços significativos para na Justiça Estadual.
Ela conclamou os juízes a manterem os bons índices de produtividade e atingir as metas do Conselho Nacional de Justiça (CNJ). “Vejam o Tribunal como parceiros nesta missão”, falou.
Para o juiz auxiliar da Presidência, Paulo Márcio Soares de Carvalho, que acompanha a presidente em Sorriso, esta é uma nova era, “de quebra de paradigmas, com servidores e magistrados em teletrabalho, com produtividade sendo medida com muito critério pelo Tribunal de Justiça, com redimensionamento dos espaços físicos e priorização do Primeiro Grau. Esta gestão está focada em deixar as comarcas melhor estruturadas e com melhores condições de atender o cidadão na ponta”, ressaltou.
Digitalização e PJe – A digitalização de processos foi citada pela presidente, que destacou o pouquíssimo número de processos físicos existentes em todo Estado. “Estamos trabalhando intensivamente na digitalização dos processos e, principalmente, investindo na estabilização e melhorias do PJe. Neste ano foram digitalizadas 100 mil processos e, até o final do ano pretendemos digitalizar os outros 60 mil restantes. Também estamos investindo na melhoria do PJe”, comentou.
A juíza auxiliar da Presidência, Adriana Sant Anna Coningham também integra a equipe da presidente nesta visita ao interior e disse que a área de Tecnologia da Informação é prioridade. “Além de trabalhar na estabilização do PJe, que reduz episódios de queda do sistema, estamos trabalhando para subir quatro versões do Processo Judicial Eletrônico. Este trabalho é hercúleo e exige muitos investimentos tanto de recursos financeiros quanto de pessoal”, disse a magistrada.
Equidade de gênero e violência doméstica – Outra bandeira da atual Administração é a luta pela equidade de gênero e contra a violência doméstica, que também foram abordados pela presidente. Uma luta que a acompanhou durante os 28 anos em que advogou, presenciando a dificuldade das mulheres em galgar postos mais altos em níveis decisórios.
A presidente ressaltou a importância da campanha permanente “A vida recomeça quando a violência termina: quebre o ciclo”, que atualmente conta com várias instituições e entidades parceiras no enfrentamento da violência doméstica contra a mulher. “A campanha mostra que o Poder Judiciário está ao lado das mulheres vítimas de violência doméstica, com desenvolvimento de ações e iniciativas para informação, principalmente para quebrarmos o ciclo da violência.”
O juiz auxiliar da Presidência José Luiz Leite Lindote, responsável pela Central de Conciliação de Precatórios do TJMT, também acompanhou a presidente na visita a Sorriso.
Juízes – Os magistrados enalteceram a postura da atual gestão, de priorizar o Primeiro Grau, como destacou o juiz diretor do Fórum, Érico de Almeida Duarte. “A desembargadora nos deixou muito a vontade e colocou a Presidência à disposição dos juízes. Ela fez um estreitamento com os servidores e magistrados do Fórum, viu nossos números e destacou a prioridade do Primeiro Grau na sua gestão. Nessa época de pandemia em que fechamos tudo e ficamos em teletrabalho e agora retornando aos poucos para o trabalho presencial é bom ver a Administração do Tribunal com o olhar voltado aos anseios das comarcas, na ponta.”
O juiz da Terceira Vara Cível, Jorge Hassib Ibrahim disse que a visita da presidente “foi de extrema importância porque ela ressaltou a priorização da Primeira Instância e esteve atenta ao que nós falamos demonstrando toda a preocupação com os magistrados. Ela visitou todos os setores do Fórum, verificando as nossas prioridades para que possam ser atendidas ou solucionadas.”
Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

morte alencar bortolanza

Sorriso: homem é encontrado morto com perfurações de arma branca na zona Leste

faca 01

Sorriso: pai alcoólatra tenta matar filho usuário de drogas com golpes de faca no Jardim Primavera;

casa incendiada sjose

Sorriso: casa é consumida pelo fogo no bairro São José

e0b75815-497a-4e4d-b785-8d2c992a3f7a-990x556

Sinop: Bombeiros são mobilizados após princípio de incêndio em hipermercado

WhatsApp Image 2022-02-14 at 17.55.27

Sorriso: bandidos assaltam estabelecimento comercial em plena luz do dia (veja vídeo)

ac

Sorrisense morre em acidente na BR 163 próximo a Itaúba