Projeto que estabelece alimentação saudável em escolas é aprovado em segunda votação na ALMT

Um projeto de lei que estabelece alimentação saudável em escolas públicas e privadas de Mato Grosso foi aprovado em segunda votação na Assembleia Legislativa (ALMT), na quarta-feira (22). A proposta cria o Programa de Alimentação Balanceada para unidades de educação infantil, ensino fundamental e médio do estado.

Conforme o documento, a instalação do programa tem por finalidade a promoção da alimentação saudável, obedecendo a padrões de qualidade nutricional e de vida indispensáveis à saúde dos alunos do estado.

Se sancionada, as instituições escolares devem promover mecanismos junto à comunidade escolar, alunos, famílias, professores, funcionários da escola, proprietários e funcionários de cantinas escolares.

A proposição também prevê a capacitação dos responsáveis dos aspectos higiênico-sanitários relevantes para o exercício do comércio de alimentos de acordo com os regulamentos da Secretaria Estadual da Saúde.

O projeto é de autoria do deputado estadual Valdir Barranco (PT).

O texto é um substitutivo à proposição que proibia a venda de doces, refrigerantes, salgados fritos e outros alimentos industrializados em cantinas de instituições de ensino.

O texto base proibia a comercialização de alimentos como balas, biscoitos recheados, refrigerantes, salgadinhos industrializados, frituras, alimentos industrializados e com alto teor de sódio.

Além da proibição, as cantinas deveriam oferecer, diariamente, pelo menos duas variedades de frutas da estação ou na forma de suco. Agora, com o substitutivo, a proibição deixa de valer.

Obesidade
Como justificativa para a provação do projeto de lei o parlamentar cita estudos da Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade (ABESO) e o Observatório de Políticas de Segurança Alimentar e Nutricional do Governo Federal.

Os projetos do governo visam conscientizar e implementar, no país, um programa de reeducação do lanche escolar e estimular a alimentação saudável, colocando à disposição dos alunos, frutas, sucos e sanduíches naturais.

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

thumb__600_0_0_0_auto (54)

Tramadol e Risperidona estão em falta nas farmácias cidadãs de Sorriso

thumb__600_0_0_0_auto (12)

Unidade móvel do Hospital do Amor atenderá na Zona Leste e no Mário Raiter

COVIDDD

Prefeitura confirma mais um óbito por covid-19

variola-monkeypox-adobe-stock-970x550

MT acompanha 13 casos suspeitos de varíola dos macacos

Monkeypox,New,Disease,Dangerous,Over,The,World.

Caso suspeito de Monkeypox em Sorriso ainda não foi confirmado; paciente segue em observação

vacinacao-vg

Campanha de multivacinação em Sorriso terá início no dia 15 de agosto