(66) 3544-2595

Telefone

(66) 99634-6964

WHATSAPP

Secretaria de Saúde faz busca ativa de idosos acamados e realiza aplicação de vacinas em casa

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

Desde o início da imunização contra a Covid-19 em Sorriso (21 de janeiro), 2.642 doses já foram aplicadas; desse total 1.836 referem-se à primeira dose e 806 à segunda dose. O trabalho inclui a vacinação de idosos diretamente em seus domicílios. Muitos dos idosos vacinados pela equipe não tem condições de participar de ações como o mutirão realizado no dia 13 de fevereiro, pois enfrentam enfermidades que dificultam o deslocamento. “A partir do cadastro que organizamos para vacinação, percebemos que muitos dos nossos idosos estão acamados, sendo essencial ir até eles e levar essa dose de esperança”, explica o secretário de Saúde e Saneamento, Luís Fábio Marchioro. O secretário completa que com a busca ativa realizada pelas Agentes Comunitárias de Saúde (ACSs), foi possível contabilizar mais de 140 idosos  acamados no município.

 “Esse trabalho continua. Nós queremos levantar todos os nomes para incluir no cadastro para que possamos organizar a fila e a aplicação das vacinas”, salienta. “Conforme vamos recebendo novos lotes de imunizantes, já estamos vacinando”, adianta Marchioro. O trabalho, tanto de busca ativa quanto de imunização domiciliar, é realizado também nos distritos. No dia 16 de fevereiro as equipes imunizaram 10 idosos do Assentamento Jonas Pinheiro, 10 do distrito de Primavera e 20 idosos do Distrito de Boa Esperança no conforto de casa. Para o gestor da pasta de Saúde e Saneamento, realizar o trabalho de imunização domiciliar é gratificante para todos os profissionais envolvidos. “Todos realizam com muito carinho essa função”, diz.

Pré-cadastro 

O secretário lembra que o pré-cadastro continua ativo e pede que profissionais da saúde e idosos acima de 60 anos que ainda não tenham acessado o link e preenchido os dados, o façam. Desde que entrou no ar, em 09 de fevereiro, o sistema já registrou 5.973 solicitações. Destas, 911 são de profissionais da saúde e 5.062 de idosos.

Marchioro pontua que todas as solicitações são analisadas pela equipe técnica, pois inserir o nome no cadastro online não equivale a agendamento ou garantia para a imunização. “Não se trata de agendamento. Como estamos explicando desde o início, esse pré-cadastro tem como objetivo organizar as filas e prioridades na distribuição das vacinas que estão sendo fornecidas pelo Ministério da Saúde e seguirá o cronograma de entrega de doses”, diz.

A priorização de que fala o secretário é por idade, dessa forma, estão sendo vacinados antes os idosos na faixa etária de 90 anos, depois 80, 70 até os 60 anos. Essa ordem sequencial também é seguida para imunizar os profissionais da saúde.

O pré-cadastro deve ser feito pelo site da Prefeitura, o https://site.sorriso.mt.gov.br/. Para quem não tem acesso à internet, é possível procurar a Unidade de Saúde da Família mais próxima de sua residência ou a Agente Comunitária de Saúde (ACS) responsável pela sua área. “Nossas ACSs também continuam a busca ativa pelos idosos que não tem internet. A ideia é fazer um pente fino e incluir todas as pessoas acima dos 60 anos no cadastro”, salienta. Outra opção ainda é ligar no 150  ou procurar a a Câmara de Vereadores na Avenida Porto Alegre ou então a Sala do Cidadão no São Domingos. Assim que novas doses sejam enviadas pelo Ministério da Saúde, o pré-cadastro será aberto para outros grupos, sempre seguindo a ordem de prioridades estipulada pelo Governo Federal.