(66) 3544-2595

Telefone

(66) 99634-6964

WHATSAPP

Secretaria solicita que sorrissenses que aguardam a segunda dose da Coronavac entrem em contato pelo 150

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

“Solicitamos que todos os sorrisenses que estão com a segunda dose do imunizante da Coronavac atrasada liguem na Central 150 para agendamento imediato”. O pedido é do secretário de Saúde e Saneamento, Luís Fábio Marchioro. Conforme o gestor da pasta, muitas pessoas com o esquema vacinal aberto, isto é, que receberam apenas a primeira dose não estão atendendo o telefone para confirmar data, local e horário da segunda dose. “Há também quem reside na área rural e estamos com dificuldades para entrar em contato; por isso, solicitamos a todos que ainda não tenham recebido a comunicação do reagendamento que entrem em contato com o 150”, detalha. Para hoje, a previsão da Secretaria é aplicar 300 doses para completar o esquema vicinal.

A aplicação das segundas doses sofreu atraso desde que o Instituto Butantan ficou sem o Insumo Farmacêutico Ativo (IFA) para a fabricação do imunizante. “Conforme vínhamos recebendo as doses – que estavam sendo enviadas aos poucos; estávamos chamando quem estava com mais tempo de atraso para a aplicação”, explica. Ontem (17), a equipe da Secretaria completou o esquema vacinal de 150 integrantes das forças de segurança e salvamento que ainda estavam com a segunda dose em aberto.

Hoje, além da aplicação da segunda dose da Coronavac, as equipes também aplicarão primeiras doses do imunizante AstraZeneca em pacientes com comorbidades, portadores de deficiência permanente e assistidos pelo Benefício de Prestação Continuada. A imunização destes grupos será por agendamento e as confirmações de horário e local já foram realizadas ontem.

Doses recebidas e aplicadas

Até o momento o Município recebeu 18.067 doses de imunizantes. Desse total, 14.109 doses já foram aplicadas, o que equivale a 78,1% do total geral recebido; 9.561 sorrisenses receberam a primeira “picadinha de esperança” e 4.548 já foram imunizados com a segunda picada também.

O secretário aproveita para lembrar a todos os sorrisenses que independente de quantas doses já receberam, os cuidados preventivos devem ser mantidos. “São aqueles cuidados básicos e não farmacológicos como o uso da máscara, a higienização constante das mãos com água e sabão ou com álcool 70º e o distanciamento social”, detalha.

Publicidade

Notícias Recentes