Sicredi Celeiro MT/RR distribui resultados financeiros aos associados

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

 

A Sicredi Celeiro MT/RR encerrou 2021 contabilizando R$ 104,9 milhões em resultado financeiro, volume 33,6% superior em relação a 2020, quando foram R$ 78,5 milhões. Os números fazem parte do balanço apresentado aos associados durante a Assembleia de Núcleos realizada em março e a Assembleia Geral Ordinária, neste mês de abril.

Para o presidente da cooperativa, Laercio Pedro Lenz, os números demonstram a solidez deste negócio e quanto mais o associado investe e utiliza produtos e serviços da instituição, maiores são os ganhos para o negócio e para as pessoas que se relacionam com a instituição.

“A cooperativa é do tamanho que o associado quer e isso significa que quanto mais ele participa da gestão do negócio, mais acredita e confia na instituição, por meio da utilização dos nossos diversos produtos e serviços, maior é o ciclo de geração de renda e retorno à comunidade”, destaca Lenz.

Por ser uma cooperativa e não visar lucro, todo o resultado obtido, além de proporcionar crescimento econômico e desenvolvimento local para a comunidade, retorna para o associado, bem como é reinvestimento na própria Sicredi Celeiro MT/RR, para aperfeiçoamento do negócio, no atendimento, nos processos, inovações e solidez.

Ao decidirem sobre os rumos do negócio, os associados da Sicredi Celeiro MT/RR chancelaram a proposta do Conselho de Administração apresentada em assembleia de que o resultado financeiro de 2021, isto é, quase R$ 105 milhões, fosse rateado de duas formas: 50% destinados à própria cooperativa por meio da distribuição de recursos para o Fundo de Reserva e o Fundo de Assistência Técnica, Educacional e Social (Fates); e 50% à disposição dos associados, divididos entre o Fundo Social, Juros ao Capital e à própria Assembleia. A distribuição do resultado ao associado ocorre também por duas formas: em conta corrente e cota capital, baseado proporcionalmente às suas movimentações financeiras de 2021, conforme definido em assembleia.

Como parte da gestão cooperativa, nessa terça-feira (12/04), a Sicredi Celeiro MT/RR creditou R$ 41,5 milhões na conta de seus associados, sendo metade em conta corrente e outros 50% em cota capital, seguindo proposta de distribuição de resultado aprovada em assembleia de núcleos da cooperativa. A cota capital é o valor que o associado integraliza para se associar à cooperativa e é importante para a solidez e desenvolvimento da instituição financeira.

Além do resultado de R$ 104,9 milhões no exercício de 2021, a cooperativa teve um incremento de quase 22% no número de associados, passando de 67,6 mil a pouco mais de 82,3 mil associados.

 

Sobre o Sicredi

O Sicredi é uma instituição financeira cooperativa comprometida com o crescimento dos seus associados e com o desenvolvimento das regiões onde atua. O modelo de gestão do Sicredi valoriza a participação dos mais de 5,5 milhões de associados, os quais exercem papel de donos do negócio. Com presença nacional, o Sicredi conta com mais de 2.200 agências, e oferece mais de 300 produtos e serviços financeiros (www.sicredi.com.br

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

thumb__600_0_0_0_auto (17)

Geraldo Rufino contará sua história a sorrisenses

Fábrica da empresa brasileira BRF em Abu Dhabi, nos Emirados Árabes Unidos.

Brasil precisa qualificar 9,6 milhões de trabalhadores em ocupações industriais até 2025

Golpe Nota MT

Moradora de Nova Mutum fatura 10 mil em sorteio do Programa Nota MT

Industria-mt

Mato Grosso alcança primeira posição em crescimento médio da indústria no Brasil

04-Governo-liberará-R-32-bilhões-para-financiar-programa-de-energia-solar-Foto-Prefeitura-Municipal-de-Palmas-TO

Assembleia Legislativa de Mato Grosso Assembleia aprova em definitivo veto a ICMS de energia solar

thumb__600_0_0_0_auto - 2022-05-12T172515.407

Procon fiscaliza a venda de alimentos na Exporriso