Sorriso: ex-padrasto é preso pela Polícia Civil por abusos sexuais contra criança de sete anos

O autor do estupro de uma criança de sete anos foi preso neste domingo (21.05) na cidade de Sorriso. A ação foi realizada pela Polícia Civil do município com o apoio da Polícia Rodoviária Federal (PRF).

O Núcleo de Atendimento a Vítimas de Violência Doméstica e Sexual, da Delegacia de Sorriso, instaurou um inquérito para apurar o caso após receber a comunicação do crime feita pela mãe da vítima. A mulher procurou a delegacia na semana passada e relatou que seu ex-companheiro, identificado como E.O.S., de 50 anos, havia abusado sexualmente da filha de sete anos.

A criança revelou que o abuso ocorreu enquanto sua mãe não estava em casa. Ela decidiu contar o que havia acontecido após assistir a uma palestra na escola, na qual psicólogos, por meio de demonstrações com bonecos, ensinaram sobre as partes do corpo que não deveriam ser tocadas por estranhos. A menor detalhou ainda que o suspeito tocava somente nas partes marcadas em vermelho, que eram indicadas como proibidas, e os abusos já vinham ocorrendo desde julho de 2022.

Segundo o relato da vítima, os crimes eram cometidos no quarto da mãe e na sala da casa. Durante uma escuta especializada com uma psicóloga, a criança confirmou todos os abusos e demonstrou medo do suspeito.

Com base nas informações coletadas durante a investigação, a delegada Jéssica Assis representou pela prisão preventiva do suspeito, devido à gravidade dos fatos. O mandado foi deferido pelo juízo plantonista da Comarca de Sorriso e cumprido no domingo. O autor do crime foi detido quando passava pela unidade operacional da PRF em Sorriso.

A delegada ressaltou que o investigado possui uma personalidade agressiva e já agrediu a mãe da criança em diversas ocasiões. A mulher possui uma medida protetiva de urgência contra o criminoso e, em uma ocasião, foi agredida com um tapa no rosto pelo suspeito após ele encontrar o portão da residência trancado. Em outra situação, o suspeito negou comida à criança, ofendeu a mãe e a filha, e, quando questionado sobre seu comportamento, agrediu novamente a mulher.

Após o cumprimento do mandado de prisão, o acusado foi encaminhado à unidade prisional de Sorriso. Ele deverá passar por uma audiência de custódia nesta segunda-feira.

 

Veja também

Sorriso: veículos colidem em cruzamento movimentado na região central da cidade

Associação dos Feirantes Rota do Sol anuncia a 1ª Feira de Veículos Usados e Seminovos em Sorriso

Sorte bate à porta de apostadores de Sorriso e Aripuanã na Mega-Sena

Sorriso inicia o calendário esportivo de 2024 com o tradicional Festival da Praça da Juventude

Exposição “Feminiliart – Mulheres em tela” celebrará o Mês Internacional da Mulher

Sorriso: três motocicletas são removidas e dois conduzidos por direção perigosa no Distrito de Primavera