(66) 3544-2595

Telefone

(66) 99634-6964

WHATSAPP

Sorriso fecha a 11ª Semana Epidemiológica com recorde de casos positivos

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no print

A segunda quinzena do mês de março coincide com o fechamento da 11ª Semana Epidemiológica de Monitoramento à Covid-19 em 2021. E, infelizmente, por duas semanas consecutivas os dados mostram que o número de casos positivos tem aumentado. Isso porque entre os dias 5 a 10 de março, data da 10ª Semana Epidemiológica o município havia registrado 401 novos casos positivos e, entre os dias 11 a 17 de março, datas que compreendem a 11ª Semana, 456 novos casos positivos foram contabilizados, sendo o maior número de casos em uma única semana de 2021. São 238 casos a mais em relação à 8ª semana, entre os dias 19 a 25 de fevereiro, quando 191 infectados foram registrados.

De acordo com o sistema da Secretaria de Saúde e Saneamento, na 1ª semana epidemiológica de 2021, foram contabilizados 373 casos ativos; na 2ª 392, o maior número que havia sido registrado até então. Na 3ª ocorreram 379 casos. A partir de então, os registros apontam uma queda, na 4ª semana foram 345 casos; na 5ª 321; na 6ª 267; na 7ª 258, na 8ª 191. E na sequência, entrando na 9ª semana há um aumento de 122 novos positivos, chegando a 313 pessoas com vírus ativo no organismo; na 10ª Semana foram 401 novos infectados; chegando a 456 na 11ª Semana.

O gestor da pasta de Saúde e Saneamento, Luís Fábio Marchioro, pontua que esse aumento tem preocupado a todos os que atuam na linha de frente no combate à Covid-19.  Ele lembra que no mundo todo, novas cepas estão sendo registradas e completa que “não temos como afirmar que há casos dessas novas cepas aqui porque não dispomos de  laboratório para análise. Mas, precisamos ter consciência de que o vírus vem sofrendo mutações e podemos sim já estar sofrendo essas consequências aqui também”, salienta.

Marchioro destaca ainda que o município vive um momento crítico. “Portanto, mais do que nunca precisamos ser conscientes e fazer uso da máscara, do álcool 70%, evitar as aglomerações e festas clandestinas. Precisamos respeitar a nossa vida e a vida do outro”, frisa. O secretário faz questão de lembrar que o medicamento mais eficaz ainda é a prevenção para evitar o contágio. “Dispor de UTI, de leitos clínicos, equipes e medicamentos é uma retaguarda que precisamos ter e que respiramos com alívio por ter os profissionais com quem contar e estrutura física; mas precisamos continuar com as práticas protetivas para evitar que o sistema entre em colapso”, frisa.

E a recomendação para quem sentir sintomas, isto é, qualquer sintoma que possa estar relacionado à Covid-19 é procurar atendimento imediato. Tanto o HC quanto a UPA ficam abertos 24 horas. Além disso, o PSF Nova Integração, localizado na Zona Leste, também está atendendo no período noturno. E há ainda as Unidades Básicas de Saúde que estão preparadas para atendimento e encaminhamento.

No caso da necessidade de medicação, os pacientes podem retirar nas três farmácias cidadãs da área urbana – a Farmácia Cidadã Central 24 Horas, a do Bela Vista e a da Zona Leste e nas duas dos distritos – Primavera e Boa Esperança, somente é necessário que o paciente apresente receita do Sistema Único de Saúde (SUS).

O secretário lembra ainda que qualquer dúvida em relação à Covid-19 ou mesmo denúncia pode ser realizada pelo número 150 que atende das 7 horas da manhã à meia-noite.