Sorriso: funcionários são presos suspeitos de furtarem motores industriais em cerâmica

O delegado de polícia Dr. Bruno França explicou que a PJC foi informada nesta terça-feira (25) por um empresário de Sorriso de que ao chegar em sua empresa percebeu que dois motores industriais haviam sumido. “Imediatamente nos dirigimos até a cerâmica para entender o que havia entendido. Identificamos dois funcionários como sendo os autores do furto”, disse.

Os suspeitos foram presos quando retornaram à empresa para receber um adiantamento. Segundo o delegado, “a PJC tem certeza de que há mais envolvidos, pelo simples fato de que é impossível carregar em duas pessoas um motor daquele peso”.

Dr. Bruno explicou que os suspeitos alegam que carregaram os motores em uma motocicleta, mas não conseguiram erguer o equipamento para colocar na viatura da polícia. “É evidente que eles tiveram ajuda de mais alguém e as investigações continuam”, declarou.

A mesma empresa teve uma grande quantidade de fios de cobre furtados recentemente e a tendência é de que sejam os elementos agora detidos. Os instrumentos furtados desta vez têm alto valor de venda. Um dos motores está avaliado em mais de R$ 20 mil.

O delegado disse que os suspeitos presos negam o furto dos fios de cobre, mas confessaram o furto dos motores. A polícia segue investigando.

Veja também

Soldado do Exército Brasileiro é preso transportando mais de 20 quilos de drogas na fronteira Brasil/Bolívia

Polícia Militar reúne mais de cinco mil competidores na 8ª Corrida do Bope

Sorriso: três motocicletas são removidas e dois conduzidos por direção perigosa no Distrito de Primavera

Pneu de veículo estoura levando a tombamento na MT 242, próximo a Sorriso

Aparelho de som é apreendido e duas mulheres são detidas após perturbação do sossego e injúria racial

Rotam prende homem com espingarda após ele ameaçar comunidade