Sorriso: secretário afirma que leis em relação a animais abandonados são rigorosas

A afirmação foi feita em entrevista ao programa A Voz do Povo na manhã desta sexta-feira (01-04), nos estúdios da Sorriso FM. Junto com o secretário Marcelo Lincoln, de Agricultura e Meio Ambiente o programa ouviu a Presidente da Ong Focinhos Carentes, Andressa Seco.

Ao longo da semana o site R9News manteve no ar enquete indagando o que a população pensa do problema envolvendo animais soltos nas ruas.

A motivação para a enquete veio da população sorrisense em participações no quadro Fala Cidadão durante a Voz do Povo. Muitas tem sido as reclamações em relação ao aumento no número de animais soltos pelas ruas da cidade.

Em relação à enquete, que tinha então resultado parcial apontando para a necessidade de leis mais severas, o secretário afirmou que a lei já existe e que é punitiva. “Qualquer pessoa que maltrata um animal responde criminalmente. Quando você adota um animal, precisa lembrar que o filhote vai crescer, pode ficar doente e vai gerar custo. Mas, é uma vida de que estamos tratando. As leis são rigorosas e nosso trabalho de conscientização é incansável no sentido de que as pessoas tenham cuidados com os animais, porque as penas podem levar até a detenção”.

Ele garante que há uma equipe de fiscais atentos para atender de forma rápida e ágil as denúncias. “Claro que não estamos em todos os lugares, mas é com este olhar que são orientados nossos fiscais que devem imediatamente chamar a polícia, se for o caso”, destaca Lincoln.

A presidente da Ong Focinhos Carentes discorda da opinião do secretário em relação à efetividade da fiscalização. “Acho que deixa a desejar aqui, porque eu mesma já fiz denúncias lá e não fui atendida. Chegam para nós também muitas reclamações neste sentido. Eu sei que não é fácil, por isso, oriento a população a cobrar mais dos setores responsáveis esta fiscalização, para ver o que pode ser melhorado”, disse.

CHIPS

Em relação aos animais que têm sido recolhidos das ruas, estão sendo implantados chips de identificação e organizados os dados de quem fizer a adoção. Segundo o secretário Marcelo Lincoln, são recolhidos cães e gatos em situação de vulnerabilidade ou feridos, os quais são tratados, castrados e posteriormente ficam à disposição para adoção nas feiras que acontecem em frente à Prefeitura todas as sextas-feiras.

Castração

Em parceria com a Ong Focinhos carentes o município tem ofertado este serviço. Neste ano está prevista a realização de mais de 370 castrações. “Não conseguimos realizar este problema sozinhos. Precisamos da comunidade”, destaca Lincoln. Andressa Seco reforçou também durante a entrevista que falta conscientização das pessoas em relação aos cuidados necessários com os animais.

Denúncias

Quem precisar efetuar denúncias pode entrar em contato com o NIF (153), ou na Secretaria de Agricultura e Meio Ambiente, através do telefone 3545–8353, ou ainda junto à Polícia Militar no 190.

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

viatura prf

Suspeitos são presos com R$ 500 mil em dinheiro e drogas

motoboy agredido

Motoboy é agredido por empresário por atraso na entrega de pizza em Sinop

WhatsApp-Image-2022-06-29-at-08.07.04-1

Ônibus desgovernado desce avenida e para após atingir farmácia em Lucas

WhatsApp Image 2022-06-29 at 09.24.40

Clínica Damo comemora 30 anos de atuação e reinaugura estrutura moderna no município de Sorriso

Mega-Sena, concurso da  Mega-Sena, jogos da  Mega-Sena, loteria da  Mega-Sena

Mega-Sena acumula e próximo concurso deve pagar R$ 37 milhões

coleta

Coleta de resíduos segue para o Setor 6