Conecte-se conosco

Oi, o que você está procurando?

Ouça a melhor programação todos os dias. Sintonize 99,1 Sorriso FM - Do jeito que você gosta!

Meio Ambiente


Temperatura pode chegar a -3°C em Chapada dos Guimarães esta semana

Frente fria que está sendo considerada históriva no Brasil pode fazer as temperaturas chegarem a números assustadores em Chapada dos Guimarães (a 65 km de Cuiabá), que terá temperaturas negativas no fim de semana, conforme dados do Centro de Previsão de Tempo e Estudos Climáticos do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (CPTEC/Inpe).

A previsão para Chapada dos Guimarães no sábado (22) é de mínima de -3ºC e máxima de 23ºC. De acordo com o CPTEC/Inpe, não há previsão de chuva. Já a umidade relativa do ar, que está em cerca de 20%, pode chegar a 85%.

A massa de ar frio também derrubará as temperaturas na capital, região metropolitana e em municípios do interior do estado a partir dessa quinta-feira (20).

Grande Cuiabá

Nessa quinta-feira, em Cuiabá, a mínima será de 21°C e a máxima de 31°C. Já no fim de semana, as temperaturas devem variar entre 6°C e 37°C.

Em Várzea Grande, região metropolitana, a mínima prevista no sábado é de 5°C e a máxima de 26ºC. No domingo, assim como na capital, a mínima é de 11°C e a máxima de 37°C.

Também não há possibilidade de chuva nos municípios. A umidade relativa do ar ficará entre 20% e 80%.

Propaganda. Role para continuar lendo.

Nessa terça-feira (18), Cuiabá bateu recorde de calor e os termômetros chegaram a marcar 41°C. Para esta quarta-feira (19), a previsão, de novo, é de calor muito intenso, em torno de 41ºC, com chance de novo recorde.

‘Onda histórica de frio’

Em Cuiabá, a previsão é que as temperaturas cheguem a 40º C nesta quarta-feira (19). Na sexta, os termômetros não devem passar dos 20º C, com mínima de 13º C. No sábado, previsão do Inmet é que a mínima chegue a 11º C, com máxima de 25º C.

A previsão do Inmet é que a temperatura nos estados do Sul caiam a partir desta quarta-feira. A previsão é que Porto Alegre registre temperatura mínima de 6º C na quinta-feira (20) e 3º C na sexta (21).

Em São Paulo, de acordo com o Inmet, a máxima não deve passar dos 13º C tanto na sexta quanto no sábado, enquanto as mínimas ficam em 9º C e 8º C, respectivamente. Os dois dias devem ter céu encoberto e chuva.

Depois de um “ciclone bomba” atingir o Brasil e deixar ao menos 12 mortos há um mês e meio, o país se prepara para receber outro fenômeno meteorológico de grande relevância. Desta vez, será uma massa de ar frio que vai causar chuvas, granizo, um frio histórico e até neve nos próximos dias.

Meteorologistas entrevistados pela BBC News Brasil disseram que a grande massa de ar frio se aproxima do país e vai derrubar as temperaturas na maior parte dos estados, inclusive no Norte e Nordeste, como Amazonas e Bahia.

Meteorologia alerta para possibilidade de neve no Sul do país

Francisco de Assis, meteorologista do Instituto Nacional de Meteorologia (Inmet), afirma que grande parte do país será atingido pela onda de frio. Esta é a terceira vez que o fenômeno ocorre no Brasil este ano, mas a primeira com tamanha intensidade e abrangência.

Propaganda. Role para continuar lendo.

“A dimensão dela será parecida com o frio histórico de 1955, 1963, 1975 e 1985. Não teremos temperaturas muito mais baixas do que já registramos neste ano. Mas a abrangência vai pegar do Norte, onde teremos quedas de até 15ºC nas temperaturas, e com uma condição de geada mais significativa e até neve na região Sul. É uma frente fria que chega até a linha do Equador”, afirmou Assis.

O meteorologista Maicon Veber, do Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais (Inpe), explica que massas como essa se formam próximas a regiões polares. Elas sobem pelo sul da Argentina e podem se deslocar mais próximas ao oceano ou pelo continente, dependendo das condições.

“Neste caso, ela segue pelo continente e tem a característica de ser mais fria e seca. Amanhã, ela deve chegar no centro-sul do Rio Grande do Sul e se desloca até o sul da Amazônia. Ela ainda pega o Paraguai, Bolívia, Centro-Oeste, Sudeste e Sul. Além dos Estados do Acre e Rondônia”, afirmou Veber.

Sistema frontal

De acordo com os especialistas, a chegada da massa de ar frio vai causar fortes chuvas na maior parte do país. Isso vai ocorrer porque há um sistema frontal (encontro de massas de ar com características diferentes, como de temperatura — uma mais fria com uma mais quente, por exemplo), carregado com nuvens de chuva do Mato Grosso do Sul até Santa Catarina.

“Quando o ar frio invadir o país e encontrar a região mais úmida, como as serras Gaúcha, de Santa Catarina e do Paraná e isso fará com que haja condições para queda de neve, já que em temperaturas abaixo de 0 grau cai neve em vez de chuva, caso existam condições de instabilidade para isso”, afirmou o meteorologista do Inmet.

Ele explica que em regiões mais quentes, como São Paulo, Paraná e Mato Grosso do Sul, onde esse sistema frontal está “estacionado”, deve ocorrer temporais entre terça e quarta-feira, inclusive com queda de granizo em algumas áreas. Quando ele avançar totalmente, as chuvas devem parar, o que ocorre a partir de sábado.

Os especialistas dizem que nas regiões mais quentes do país, como o Mato Grosso do Sul, que registrou máximas de 40º nos últimos dias, pode haver “uma queda de temperatura muito grande, de até 15º”.

Geada e neve

Os meteorologistas ouvidos pela reportagem disseram que não é possível afirmar que esse fenômeno é causado pelas mudanças climáticas porque já ocorreram muitas outras vezes no passado. Porém, é consenso de que terá uma grande intensidade.

Maicon Veber diz que uma massa de ar frio normalmente tem pouco mais de 1 km de espessura, que vai da superfície em direção à atmosfera. Por ser fria e pesada, ela se localiza e desloca próxima ao solo.

Propaganda. Role para continuar lendo.

Já esta coluna de ar frio que se aproxima tem de 5 a 6 km de espessura.

“É uma massa bastante significativa e deve tomar conta de boa parte do continente. O Centro-Oeste e Sudeste devem ter recordes de temperatura mais baixas do ano. Mas vamos ter que esperar para saber se vai ser um frio histórico. Só quando tivermos os dados durante a passagem dela”, afirmou o meteorologista do Inpe.

Ele disse que a diferença mais marcante dessa massa de ar é que há uma chance de nevar no Sul por conta também de um sistema que chegará à região logo após a chegada desse sistema.

“A partir de quinta-feira, um sistema chamado de vórtice de ciclone vai se deslocar e causar instabilidade, além de provocar uma condição de neve. Ele vai reforçar esse ar frio sobre o Sul a uma altitude mais alta e mais úmida que a massa de ar frio e deixar o tempo instável, numa configuração ideal para a formação de neve”, disse Veber.

Ele disse que a partir de sexta-feira também haverá condições de geada de uma maneira mais ampla nos estados do Sul e Sudeste. Mas conforme a massa vai avançando em direção ao norte do Brasil, ela sofre alterações e enfraquece.

Ainda assim a queda de temperatura será sentida inclusive em estados do Nordeste, como a Bahia.

Propaganda. Role para continuar lendo.
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Veja também

Geral

Nove unidades penais receberam veículos furgões para transporte de reeducandos. A solenidade de entrega foi realizada na sexta-feira (25), na sede da Coordenadoria de...

Geral

Na madrugada deste sábado (26-09) um home foi encaminhado pelo Corpo de Bombeiros até o Hospital Regional de Sorriso após ser agredido na Rua...

Trânsito

A Semana Nacional de Trânsito tem como objetivo conscientizar sobre as regras e a importância dos cuidados durante o trânsito. Desta vez, o Departamento...

Economia

O governo federal já economizou cerca de R$ 1 bilhão com o trabalho remoto de servidores públicos durante a pandemia do novo coronavírus (covid-19)....

Agronegócio

Os preços dos suínos vivos continuam em queda na China e o declínio está se acelerando, alerta o analista sênior de commodities da StoneX...

A Voz do Povo

Rotary Ouro Verde realizam hoje live em prol do Hospital do Amor de Barretos. A presidente do Rotary Ouro Verde, Magda Siqueira, a vice-presidente...

Curta a nossa página

+ Mais notícias

Política

O juiz da quarta Vara Civil de Sorriso, Valter Fabrício Simioni da Silva, atendendo a pedido do Ministério Público de Sorriso, determinou em decisão...

Economia

A Concessionária Rota do Oeste disponibiliza dez vagas de emprego, para três cargos, com atuação nos municípios de Rondonópolis, Cuiabá, Diamantino, Nobres, Nova Mutum,...

Trânsito

Diversas mudanças na lei de trânsito foram aprovadas pelo Congresso e seguiram para a sanção do presidente Jair Bolsonaro. Dentre as alterações estão a ampliação...

Economia

A partir de 01 de outubro, Sorriso voltará a receber operações da Azul. Os voos com o ATR 72-600, com capacidade para até 70...

Polícia

Um jovem e um idoso foram presos pela Polícia Civil na manhã desta quarta-feira (23.09), durante ação para cumprimentos de mandados judiciais. Os crimes...

Meio Ambiente

O Instituto de Defesa Agropecuária de Mato Grosso (INDEA MT) alerta a população de Mato Grosso sobre pacotes de sementes não solicitados vindos da...

A Voz do Povo

Projeto Colheita do Bem realizado pela empresa América Insumos Agrícolas entrega recursos para entidades filantrópicas de Sorriso. Foram distribuídos quase meio milhão de reais...

A Voz do Povo

O advogado, Evandro Vozniak fala sobre representação em desfavor de Adriana Tavares por ofensas à integrantes do PSDB. Confira a entrevista feita por Ivan...

Propaganda