Política

“Vamos intensificar a fiscalização para proteger as vidas das pessoas”

Por: Secom-MT Publicado em 29/04/2020

O governador Mauro Mendes afirmou que o Estado irá intensificar a fiscalização do uso obrigatório de máscaras, com ações em todos os 141 municípios de Mato Grosso, de forma a “proteger as vidas das pessoas”.

Mendes contou que o Procon, a Vigilância Sanitária e a Polícia Militar já iniciaram as ações de fiscalização dos estabelecimentos públicos e privados, em Cuiabá e Várzea Grande. A lei prevê multa de R$ 80 aos estabelecimentos que não disponibilizarem máscaras aos seus funcionários ou que permitirem a entrada de clientes sem a proteção facial, a partir do dia 5 de maio.

“Até lá, toda a fiscalização será orientativa e nos locais onde estivermos fiscalizando, as empresas receberão notificação. Ninguém será autuado até lá. Vamos estender essas ações para todos os 141 municípios. Primeiro orientando. Mas depois, aqueles que lamentavelmente não cumprirem, serão multados. Nós não queremos autuar ninguém, mas precisamos proteger a vida das pessoas. Quando você não usa a máscara, está colaborando para a propagação do vírus e colocando em risco a vida de milhares de pessoas. Estamos optando por proteger a vida da população”.

A lei que estabelece o uso da máscara facial por toda a população, de autoria do Poder Executivo, foi aprovada pela Assembleia legislativa e sancionada pelo governador. A publicação consta no Diário Oficial que circulou na terça-feira (28.04).

O uso de máscaras é um poderoso instrumento para frear a proliferação do covid-19. De acordo com especialistas em saúde pública, a máscara impede que as gotículas de saliva de um portador do vírus sejam expelidas no ambiente e, consequentemente, evita que outras pessoas entrem em contato com a superfície contaminada.

Enquete. Participe!

Em sua opinião, o município de Sorriso deveria montar leitos de UTI?