Médico de 60 anos é acusado de passar mão em jovem de 15 dentro de academia em MT

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

Um médico de 60 anos foi acusado de importunação sexual contra uma adolescente de 15 anos. O crime teria ocorrido dentro da academia de um conhecido clube em Rondonópolis.

O caso ocorreu no último dia 5 de agosto. O crime foi denunciado pelo pai da menor. Segundo informações, a menor estava praticando exercícios dentro da academia do clube, quando o homem começou a cercá-la.

Ele fez questionamentos como, se ela tinha namorado, idade, onde estudava, entre outras coisas. Mesmo se negado a responder, o acusado continuava insistentemente com a conversa.

Depois de algum tempo, o medico se aproximou da menor e passou a mão no corpo dela. A vítima saiu correndo desesperada, chorando até o seu pai.

Imediatamente, a diretoria do clube foi informada sobre a situação e acionou a Polícia Militar. No entanto, o médico já havia fugido do local.

Logo após o caso, o pai da vítima procurou a Delegacia Especializada de Defesa da Mulher de Rondonópolis e registrou um boletim de ocorrência. A vítima ainda não foi ouvida.

As demais diligências sós serão tomadas após a PC colher o depoimento da menor.