A Voz do Povo: Defensor Público diz que ficou surpreso ao saber que cirurgia de paciente paga à Chocair não foi realizada

O Defensor Ubirajara Vicente Luca falou ao programa A Voz do Povo nesta segunda-feira (27-06), sobre o caso do senhor Manoel Cavalcante de Jesus, que espera desde 2016 por cirurgia.

Na última semana o Juiz Dr. Glauber Lingiardi Strachini, da 4ª Vara Cível de Sorriso determinou que a empresa Chocair & Chocair devolva a quantia de R$ 39 mil reais recebidos como pagamento por cirurgia que não foi realizada no paciente. O magistrado também pediu que o Defensor Público explique porque pediu a liberação do dinheiro sem que o procedimento tivesse sido realizado.

O defensor explicou que foi informado pela Secretaria de Saúde de Sorriso que o paciente havia sido operado. “É um processo que tramita desde 2016, visando procedimento cirúrgico em dois joelhos do paciente e dentre outros pedidos, ocorreu o último boqueio judicial, onde o juiz determinou que se bloqueasse o valor e uma vez realizado o procedimento libere-se o valor. Esta decisão é de outubro de 2021, quando o valor foi bloqueado. A gente não conseguia entrar em contato com o paciente, mas falamos com a empresa e nos dissera que o procedimento seria realizado no dia seguinte e que o paciente já estaria sabendo. Passados alguns dias a empresa nos enviou a nota fiscal do serviço realizado. Não conseguimos falar com o paciente, mas como veio a nota fiscal falamos com a Secretaria de Saúde. A minha assessoria conversou com a secretaria e afirmaram que tinha sido realizado. Diante disso como foi enviada a nota fiscal o defensor público pediu que o dinheiro fosse liberado para a empresa Chocair”, relatou Ubirajara.

Segundo ele, já neste ano, o paciente Manoel voltou a procura-lo perguntando quando seria feita sua cirurgia. “Fomos surpreendidos com esta informação e aí pedimos ao Juiz que determinasse este retorno dos valores. Aí o juiz nos indagou sobre o porquê da liberação do recurso”, explicou.

O defensor disse que vai se manifestar nos autos respondendo ao Juiz sobre o que aconteceu. Ele também relatou na entrevista que não está conseguindo contato com a empresa Chocair. “Quando soubemos que não foi realizado o procedimento tentamos entrar em contato com a empesa e não conseguimos. Então, estamos aguardando para ver se a empresa cumpre a decisão judicial, se devolve o dinheiro ou realiza o procedimento”.

De acordo com o defensor, é normal que sejam sugeridas empresas a pacientes para que consigam apresentar três orçamentos para os procedimentos que estejam pleiteando na justiça. “Toda vez que o Estado não cumpre com procedimentos de saúde, estes são feitos na iniciativa privada. Para a ação são necessários três orçamentos. Isso não é fácil conseguir, por isso temos estas assessorias. Sempre enviávamos as pessoas para verem na secretaria de saúde que as vezes tem cadastros destas empresas. No caso deste cidadão informamos a ele que precisava destes orçamentos. Foram providenciados e o de menor valor foi desta empresa (Chocair & Chocair)”.

A empresa é investigada na CPI da Saúde instaurada na Câmara de Vereadores de Sorriso.

 

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

galeria de imagens

Veja também

Diogo_martins

A Voz do Povo: Recanto dos Pássaros terá coleta seletiva

WhatsApp Image 2022-08-10 at 09.19.22

Sorriso: Polícia Civil recupera televisão furtada, prende casal, apreende drogas, armas e drone (vídeo)

Mauro Mendes (1)

A Voz do Povo: Governador Mauro Mendes destaca investimentos em Sorriso e região (vídeo)

lionxx

A Voz do Povo: campanha LEVE arrecada lixo eletrônico em Sorriso até 20 de agosto

DELEGADOS

A Voz do Povo: investigações em relação a homicídios em Sorriso estão avançando, dizem delegados ´(vídeo)

motoc

A Voz do Povo: Sorriso sediou etapa do Estadual de motocross (vídeo)