Atendimento do Corpo de Bombeiros de MT segue padrão internacional para salvamento veicular

O atendimento do Corpo de Bombeiros de Mato Grosso (CBMMT) em ações de salvamento veicular foi considerado dentro dos padrões internacionais por membros da Associação Brasileira de Resgate e Salvamento (Abres). Os majores Fábio Contreiras e Ícaro Greinert, do Corpo de Bombeiros do Rio de Janeiro e do Paraná, respectivamente, estiveram em Cuiabá nesta semana, durante o 1º Desafio de Salvamento Veicular, para avaliar os militares para a etapa nacional do desafio, que será realizada em Gramado (RS).

“Observamos que todas as sete equipes estavam dentro dos padrões da World Rescue Organisation (WRO). Elas conseguiram cumprir os requisitos previstos para um bom atendimento. A diferença de notas entre elas foi muito pequena. Houve um grande avanço no padrão internacional e acredito que as equipes daqui vão cada vez mais melhorar o atendimento”, afirmou.

O major BM Greinert também elogiou os investimentos feitos pelo Governo de Mato Grosso em equipamentos de ponta para serem utilizados nestas ocorrências. Segundo ele, a disponibilização desses recursos beneficia a população que recebe um atendimento mais eficaz.

“A realização de investimentos nessa área é fundamental. Os equipamentos utilizados neste tipo de ocorrência são de alta tecnologia que auxiliam, por exemplo, no corte de estrutura de carros ultra reforçados. Sem dúvidas, os equipamentos disponíveis ao Corpo de Bombeiros de Mato Grosso garantem um atendimento seguro e eficaz”, completou.

Já o major BM Ícaro Greinert elogiou a capacidade técnica dos militares de Mato Grosso em atendimentos emergenciais de salvamento veicular.

“Os desafios acontecem no mundo inteiro e no Brasil esta é a sexta vez. Em Mato Grosso é a primeira e ficamos satisfeitos ao ver a capacidade técnica dos bombeiros do Estado. O desafio é um circuito muito específico, mas eles mostraram total capacidade técnica em atendimento emergencial. Ficamos contentes com essa constatação”, afirmou o major.

1º Desafio de Salvamento Veicular

No total, sete cenários de acidentes com veículos simulados foram montados no pátio do 1º Batalhão dos Bombeiros, na última terça-feira (05.09). Cada um dos grupos teve o tempo limite de 20 minutos para realizar o resgate de uma vítima e foi avaliado pelos membros da Associação Brasileira de Resgate e Salvamento.

“Os cenários levam o bombeiro a uma situação extremamente próxima da realidade, com veículos muito instáveis, vítimas reais e uma série de riscos. É um nível de detalhamento muito grande para que isso se reflita no atendimento à população”, explicou capitão Rivaldo Andrade, coordenador do desafio.

Das sete equipes regionais da instituição que participaram, a do 5º Comando Regional, de Cáceres, foi selecionada para representar o Estado na etapa nacional em Gramado (RS), em outubro.

“É uma grande satisfação estar representando o Estado. Foi um verdadeiro desafio, muito próximo a realidade. Todos os militares participantes conseguiram atingir o principal objetivo, que é salvar a vítima. Utilizamos equipamentos de ponta, que são resultados dos investimentos feitos pelo Governo de Mato Grosso no Corpo de Bombeiros”, disse o sargento Graziane Rossi dos Santos, de Pontes e Lacerta.

Veja também

Policial Rodoviário Federal morre vítima de infarto enquanto trabalhava

Dois homens são presos após atropelar, esfaquear e agredir pelo menos quatro pessoas

Sorriso: sábado (24) é dia de feirinha de adoção na Praça das Fontes

Governador destaca competência dos novos desembargadores e acredita que prestação de serviços na Justiça será ampliada

Caixa lança edital de concurso com 3,2 mil vagas para técnicos

Inmet alerta para risco de chuvas intensas em Mato Grosso nesta quinta-feira (22)