Envolvidos em morte de sargento morrem em confronto com a Polícia Militar

Dois criminosos, que ainda não tiveram os nomes divulgados, foram mortos pela Força Tática, na noite de sexta-feira (26), em Rondonópolis (215 km ao sul). A dupla é suspeita de envolvimento no assassinato do sargento da PM Djalma Aparecido da Silva, ocorrido no início da semana.

Segundo informações da PM, desde o homicídio do agente, registrado na segunda-feira (22) a segurança e patrulhamento na região estavam intensificados. No início da noite de sexta, os agentes se depararam com os suspeitos em uma residência.

Durante a abordagem, houve resistência, e, segundo o boletim de ocorrências, os acusados armados atacaram os militares, momento em que houve a troca de tiros.

Os feridos morreram ainda no local. Na casa, os policiais encontraram uma pistola 9 mm e um revólver calibre 38, além de munições para as duas armas e um fuzil, que não foi achado.A Perícia Oficial e Identificação Técnica (Politec) foi ao local para os exames necessários e os homicídios serão apurados pela Polícia Civil e Corregedoria da Polícia Militar, por se tratar por morte com ação do Estado.

Veja também

Polícia investiga caso de roubo e cárcere privado em fazenda de Boa Esperança do Norte (vídeo)

 Polícia Militar inicia 26ª turma no Curso de Capacitação Rotam em Cuiabá

Jovem é resgatado de cativeiro em Lucas do Rio Verde

Polícia Civil fecha fábrica clandestina de armas de fogo em Guarantã do Norte e prende idoso

Polícia Civil apreende carga de drogas na BR-364 e prende dois suspeitos em flagrante

Sorriso: PM prende quatro suspeitos e apreende drogas e munições no Monte Líbano II