Exposição Feminiliarte: Mulheres em Tela acontece no Centro Histórico-Cultural de Sorriso

O Centro Histórico-Cultural Benjamin Raiser abriu as portas nesta segunda-feira (4) para a tão aguardada exposição “Feminiliarte: Mulheres em Tela”, da talentosa artista plástica Jéssica Escobar. Com apoio artístico e curadoria de Arimar Gomes de Carvalho, a mostra é um mergulho na expressividade das mulheres através da arte.

A entrevista exclusiva com a artista foi destaque no programa “A Voz do Povo”, transmitido nesta quarta-feira nos estúdios da Sorriso FM. Movida por sua paixão pela música e arte, Jessica Escobar é uma artista multifacetada, também atuando como advogada, violinista, violoncelista e professora de música desde os 16 anos. Embora tenha exercido a advocacia por algum tempo, sua verdadeira paixão sempre foi a arte e a música, e atualmente ela se dedica plenamente a essas vocações.

A exposição, que permanecerá aberta ao público até o dia 04 de abril (quinta-feira), celebra a arte, a criatividade e a beleza feminina. Com 19 telas, a instalação destaca não apenas o talento artístico singular de Jéssica Escobar, mas também de convidados especiais, como Wellen Galvan, Mary Riboli e Eliane Tibaldi. A contemplação das obras expostas serve como ponto de partida para a reflexão sobre a importância da emancipação e valorização da mulher na sociedade.

A iniciativa, contemplada pelo edital Festival da Cultura 2023, através do Programa de Incentivo à Cultura (Promic), gerido pela Secretaria Municipal de Cultura, Turismo e Juventude (Semcultj), recebeu um investimento de R$ 490 mil. A exposição é um tributo sincero às mulheres, uma expressão de admiração, gratidão e amor dedicado a esses seres incríveis que moldam e enriquecem nossas vidas de diversas maneiras.

Jéssica Escobar destaca: “Cada obra foi concebida com o intuito de expressar todas as qualidades que tornam as mulheres tão importantes, essenciais e poderosas em nossa sociedade”. A exposição se propõe a desafiar as estatísticas, como aquelas apresentadas pelo Museu de Arte de São Paulo (MASP) em 2017, que evidenciam a desigualdade de gênero nos espaços dedicados à arte.

Veja a entrevista no vídeo.

Vídeo da notícia

Veja também

Delegada Jessica Assis fala sobre a Campanha Maio Laranja de combate ao abuso e à exploração sexual infantil

Manifestação na Agência da Caixa Econômica Federal de Sorriso chama atenção para falta de pessoal

Inscrições abertas para cursos profissionalizantes gratuitos em Sorriso

Entrevista na Sorriso FM destaca a Campanha Maio Furta Cor pela Saúde Mental Materna

Secretário de Obras de Sorriso esclarece situação na Avenida Natalino João Brescansin

Governador defende eficiência e que Brasil lidere setor da economia verde