Governo propõe salário mínimo de R$ 1.169 para 2022, sem aumento real

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

O salário mínimo deve ser de R$ 1.169 no ano que vem. Pelo menos é o que prevê a proposta orçamentária de 2022 enviada pelo governo federal ao Congresso Nacional nesta terça-feira (31). O valor é R$ 69 maior que o salário mínimo atual (R$ 1.100).

Se mantido este valor, significa dizer que o salário não teria aumento real (acima da inflação), uma vez que o porcentual de acréscimo é de 6,2% – previsão do Ministério da Economia para o Índice Nacional de Preços ao Consumidor (INPC) deste ano, conforme o Metrópoles.

Vale lembrar que em abril, o governo falou em uma remuneração mínima para R$ 1.147 em 2022, mas subiu para R$ 1.169 em razão da inflação, que avançou nos últimos meses.