Homem morre eletrocutado após caminhão encostar em rede elétrica em MT; criança de 6 anor fica ferida

Um homem de 34 anos morreu na tarde de sábado (16) após sofrer uma descarga elétrica em um caminhão que realizava trabalhos na região do Pé de Caju, agrovila da zona rural de Confresa (MT).

De acordo com informações repassadas ao site Olhar Alerta, o motorista identificado como Emanuel Messias de Oliveira descarregaria calcário em uma propriedade, e junto com ele, dentro do caminhão, estavam sua esposa de 31 anos e seu filho de 6 anos.

Um homem que estava na fazenda relatou à Polícia Judiciária Civil que no momento em que o caminhão entrava na propriedade, ele percebeu que tocava a rede de energia elétrica, então, acenou para que o motorista parasse. Quando Emanuel parou o veículo, abriu a porta e, ao descer, sofreu uma forte descarga elétrica e caiu no chão. A esposa, ao perceber a situação, tentou descer, mas também levou um choque, contudo, de menor intensidade.

O menino de 6 anos também tentou descer do caminhão, mas devido à descarga elétrica que sofreu, ficou “grudado” no veículo. O homem que estava no local, tentou três vezes tirar a criança, mas recebia descargas elétricas e era jogado para longe, contudo, após tentativas, conseguiu.

Emanuel morreu ainda no local do fato. A mulher, a criança e o homem que a salvou, foram levados para o Hospital Municipal de Confresa. O estado de saúde do menino é grave.

Um boletim de ocorrência foi registrado e o caso seguiu para providências cabíveis.

 

 

 

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

recupppp

Em 10 dias foram apreendidas seis armas de fogo pela PJC em Sorriso (vídeo)

6ef2cde2-215a-461d-9a62-d39498df5107-990x556

Sorriso: Guarda Municipal lança operação para coibir escapamentos adulterados no trânsito

tiro_esportivo

Sorriso e mais nove cidades de MT são acionadas por MPE por leis que flexibilizam porte de arma

força_tot

Operação Força Total da PM segue até domingo (07) em Sorriso

piscina-out-2019-628x420

Sorriso: equipe do Corpo de Bombeiros realiza manobra para salvamento de criança afogada em piscina no Rota do Sol

Foto ilustrativa.

Apenas 37% dos homicídios no País foram esclarecidos