Polícia Civil esclarece homicídio em barbearia de Guarantã do Norte e indicia autores

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no email
Compartilhar no facebook

A Polícia Civil, por meio da Delegacia de Guarantã do Norte, esclareceu o homicídio ocorrido há uma semana em uma barbearia da cidade e indiciou os autores pelo crime. O inquérito foi encaminhado ao Poder Judiciário nesta quarta-feira (11.05)

No dia 05 de maio, a vítima, Nelson Favoreto, de 46 anos, foi atacada por duas pessoas, a golpes de faca, dentro de uma barbearia. Câmeras de segurança registraram o crime. Nelson morreu ainda no local e os autores fugiram na sequência.

Na investigação, a Delegacia de Guarantã do Norte identificou os autores do crime como sendo dois irmãos. E. W. O., de 36 anos, foi preso em flagrante no dia do fato, quando foi encontrado, embriagado, em um bar da cidade.

O delegado Lucas Lélis Lopes representou pela conversão do flagrante em preventiva, quando não há prazo determinado para o fim da custódia. Foi requerida também a prisão do outro autor do crime, de 42 anos, que é considerado foragido da Justiça.

Conforme explicou o delegado de Guarantã do Norte, o homicídio foi motivado por vingança. Há 16 anos, a vítima matou e ocultou o cadáver de Alan Douglas Wagner de Oliveira, irmão dos indiciados. Desde então, Nelson foi jurado de morte.

No dia do fato, os dois irmãos viram Nelson no salão de cabeleireiro e passaram a premeditar o crime. Eles foram até a casa dos pais, pegaram duas facas na cozinha e retornaram ao local do crime. Na barbearia, cumprimentaram o dono do local e atacaram a vítima com as facas, de surpresa e sem que Nelson pudesse ter qualquer chance de reação.

Após o crime, os dois autores fugiram em uma caminhonete, conforme registraram as câmeras de segurança de um supermercado ao lado do salão.

Os investigados foram indiciados por homicídio qualificado em razão de três circunstâncias: motivo torpe, emprego de meio cruel e recurso que dificultou a defesa da vítima (artigo 121, § 2.º, incisos I, III e IV, do Código Penal).

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

6b7a22a411992d5e32248211970621ca

Grupo espanca e ameaça matar atendentes do Subway em Sinop

Força Tatica apreende espingardas e revolver em Cuiabá

Homem é preso com arsenal de espingardas, revólver e munições

Quadrilha presa por roubo Rotam CAPA

Três homens são presos após roubo de veículo em MT

62839fdf82fd1

Polícia prende mototaxista escondendo armas roubadas em mochila em MT

2b1770f3-1af5-402a-946d-9a453534ab6f

PRF apreende pasta base de cocaína em MT

Viatura-PM-Sinop-junho-2021-Só-NotíciasGuilherme-Araújo-990x556

Mulher atira contra marido durante briga por causa de pedaço de pizza em MT