Prefeitura de Sorriso estaria inadimplente impossibilitando Governo de repassar recursos para sede do Corpo de Bombeiros

Uma inadimplência por falta de prestação de contas sobre o uso de recursos repassados em convênio pela Secretaria de Estado de Esportes para o Departamento de Cultura de Sorriso, teria deixado a prefeitura impossibilitada de receber o dinheiro de convênio firmado para a construção de uma nova sede para o Corpo de Bombeiros local.

A situação teria sido verificada durante os trâmites do Corpo de Bombeiros em Cuiabá, visando depositar nos cofres da Prefeitura de Sorriso o valor para a construção da nova sede local da corporação.

Segundo a fonte, a documentação foi feita em tempo hábil, já que o prazo em ano eleitoral termina em 30 de junho. Entretanto, com a inadimplência da Prefeitura não foi possível fazer o repasse do recurso. Em anexo certidão que mostra a situação.

A previsão era de que a obra já estivesse em período de licitação, mas, com os entraves, a construção só deverá ter início no ano que vem.

Na tarde desta quinta-feira (07-07), o repórter Joca de Souza questionou o prefeito Ari Lafin sobre a situação do convênio. “Estamos também buscando parcialmente receber. Eles fazem depósito parcial e depois do processo de licitação, conforme o Governo vai fazendo a medição, vai repassando. O quartel é uma obra com valor superior a 4 milhões do Governo e contrapartida de 1 milhão do município, valor que já está alocado junto ao Funrebom”, explicou o gestor.

Indagado especificamente sobre a inadimplência que teria impossibilitado o repasse dos recursos, o prefeito disse que não sabia. “Posso verificar, até porque todas as informações que temos é que está tudo em dia. O coronel Alessandro me ligou na véspera da vinda do governador e todas documentação faltante estava completa. Mas, se houve falha, o convênio está firmado. Tecnicamente temos que fazer as correções agora e independentemente disso podemos abrir o processo licitatório, O repasse pode ser feito após as eleições”.

Já na manhã de hoje o Prefeito se reuniu com o comando local do Corpo de Bombeiros, oportunidade em que anunciou que está abrindo o processo licitatório para a obra, destacando, entretanto, que a ordem de serviço “não será dada durante o período chuvoso”, devendo ficar somente para o ano que vem.

Sobre o assunto, a assessoria da gestão enviou a seguinte nota à redação da Sorriso FM e do R9News:

“Acerca da veiculação de informações sobre uma possível irregularidade na prestação de contas de projetos viabilizados em parceria com a Secretaria de Estado de Cultura e Esportes, via Lei Aldir Blanc, a Prefeitura de Sorriso informa que:
– no dia 1.º de julho o Governo do Estado apontou inconsistências na prestação de contas de um destes projetos;
– prontamente, a equipe responsável por este processo já iniciou a correção e a inclusão das informações e documentos solicitados;
– na próxima semana, todo o processo será encaminhado ao Governo do Estado, resolvendo assim a pendência;
– este tipo de apontamento, necessidade de revisão de documentos é rotina quando se trata de efetivação de convênios, assim como todo trâmite burocrático, por isso, o trabalho é feito em etapas e revisado, no entanto, muitas vezes, algum detalhe acaba escapando e o processo acaba por retornar para correção;
– a análise e revisão de processos é feita tanto no momento da aprovação do projeto, bem como na fase final no ato da prestação de contas;
– como esse é um procedimento de rotina, apontamentos dessa natureza não travam a viabilização de outros convênios.”

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

galeria de imagens

Veja também

recupppp

Em 10 dias foram apreendidas seis armas de fogo pela PJC em Sorriso (vídeo)

6ef2cde2-215a-461d-9a62-d39498df5107-990x556

Sorriso: Guarda Municipal lança operação para coibir escapamentos adulterados no trânsito

Fogo-subestação-de-energia-em-Colíder-agosto-2022-rep-900x556

Fogo atinge subestação de energia em Colíder e cidades ficam sem energia

tiro_esportivo

Sorriso e mais nove cidades de MT são acionadas por MPE por leis que flexibilizam porte de arma

energiza

Mutirão em Sorriso realiza negociações com parcelamento em até 24 vezes

força_tot

Operação Força Total da PM segue até domingo (07) em Sorriso