Sorriso: 17 mil consumidores ficam sem energia elétrica e Procon autua e multa Energisa em 400 mil reais

Após diversos bairros ficarem sem energia elétrica nesta quinta-feira (14/10), o Procon – Procuradoria de Proteção e Defesa do Consumidor de Sorriso acionou a concessionária fornecedora de energia Energisa e aplicou uma multa.

De acordo com coordenador do Procon de Sorriso, Robson de Moura, a multa é no valor de R$ 400.000,00 (quatrocentos mil reais) pela interrupção e má prestação de serviço de energia elétrica, ocorrido na presente data. Agora a empresa terá um prazo para recorrer e apresentar sua defesa.

Moradores dos bairros Centro Norte, Rota do Sol, Jardim Tropical, Santa Clara, Industrial Nova Prata, Jardim Califórnia, Residencial Village, Bela Vista, Jardim Bela Vista encaminharam mensagens para o Fala Cidadão, no programa A Voz do Povo, na Sorriso FM, reclamando da falta de energia ou oscilação na manhã desta quinta. Até mesmo órgãos públicos como a Prefeitura e a Câmara ficaram sem fornecimento de energia elétrica.

A Energisa emitiu uma nota nesta quinta-feira, dizendo que o problema ainda estava sendo averiguado.

NOTA ENERGISA

A Energisa informa que houve uma interrupção no fornecimento de energia entre às 10h31 e às 10h42, impactando 17.000 consumidores na cidade de Sorriso. O atendimento coletivo foi realizado e a situação normalizada. Equipes estão fazendo agora atendimentos individuais relatados.

A motivo da queda de energia está sendo analisado e a empresa reforça que todas as ocorrências devem ser registradas pelos canais de atendimento oficiais:

WhatsApp (Gisa): (65) 9999-7974

Aplicativo Energisa On e site energisa.com.br.

Maninho Veículos
LCI Telecom
Programa Estação Sicredi

Veja também

duas investigadas

Samantha Chocair e Marilei Oldoni Dias, usam instrumentos do direito para não comparecerem à oitiva da CPI da Saúde

6fe049149c43da327e901aa521993982

Ex-deputado estadual José Domingos assina acordo para ressarcimento de mensalinho

Foto: reprodução/rede social

Empresa de Advocacia deixa a defesa de investigada pela CPI da saúde em Sorriso

Lumar-de-B-990x556

LUMAR COSTA DA SILVA, que matou e arrancou o coração da tia, será transferido para hospital psiquiátrico de SP para tratamento por tempo indeterminado

Forum

Sorriso: Juiz determina que empresa Chocair devolva dinheiro de procedimento médico pago antes de ser executado

ADVOGADO SINSEMS 2

Marcos Wanderley assume assistência jurídica ao servidor supostamente envolvido na contratação de cooperados fantasmas