Polícia

Suspeito é preso por atirar contra vítima que foi à casa da ex- mulher

Por: PMMT Publicado em 04/12/2020

Em Sinop, a Polícia Militar prendeu um homem de 31 anos por homicídio doloso tentado, na tarde de quinta – feira(03), em Sinop. O suspeito atirou em um homem que foi até a casa da sua ex- mulher deixar mantimentos para o filho. A vítima buscou ajuda da PM na região central da cidade. 

Por volta das 13h, uma equipe da PM realizava rondas na região do quadrilátero central, quando se deparou com  um homem que pedia ajuda.Ele  relatou à polícia que  teria ido até a residência de sua ex- mulher no bairro Imperial, deixar uma cesta básica para o seu filho e que ao bater palma em frente ao imóvel, o suspeito fez um movimento brusco, sacou uma arma de fogo e atirou contra ele;porém não o atingiu e ele saiu correndo pedindo ajuda. 

De imediato, os policiais foram até a casa, mas o suspeito havia fugido em um carro Fiat Pálio. O pai do suspeito contou à PM que não iria ser conivente com a atitude do filho e relatou aos policiais onde estaria escondido o suspeito. Os policiais chegaram até uma região de chácaras, quando em torno da Comunidade Adalgisa localizou e identificou o homem que foi preso em flagrante. 

Durante varredura no veículo, os policiais apreenderam a arma utilizada no crime, a garrucha B-300 e sete munições  estavam  escondidas debaixo do banco traseiro do automóvel . Além da arma e munições, a PM encontrou diversas latas de cerveja e constatou que o suspeito ainda estava embriagado após o condutor ser submetido ao  teste do etilômetro que constatou 1.02MG/L. 

O homem foi preso e conduzido à delegacia por homicídio doloso tentado, porte ilegal de arma de fogo, disparo de arma de fogo e conduzir veículo automotor sob influência de alcoól. 

A ocorrência foi entregue à Polícia Judiciária Civil. 

Serviço

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado pelo 190 ou, sem precisar se identificar, por meio do disque – denúncia 0800.65.39.39. Nesse número, sem custo de ligação, qualquer cidadão pode informar situações suspeitas ou crimes. 

Enquete. Participe!

Sobre a vacinação contra covid-19: